Tags: Negócio |

Fundos com subscrições líquidas de 303 milhões de euros em Maio


Os fundos de investimento mobiliário (FIM) tiveram subscrições líquidas de 303,1 milhões de euros em Maio, com a maioria das sociedades gestoras a registar saldo positivo, de acordo com os dados mensais divulgados pela APFIPP.

As subscrições ascenderam a 1.061,3 milhões de euros, tendo os resgates sido de 758,2 milhões de euros, o que levou a um aumento do saldo positivo acumulado desde início do ano para 984,9 milhões de euros.

A maioria das 14 sociedades gestoras (11) registou subscrições líquidas positivas o mês passado, tendo o montante mais elevado pertencido à ESAF – 125,9 milhões de euros -, sendo também esta a que acumula o maior valor nos primeiros cinco meses deste ano, 450,1 milhões de euros.  

Em Maio, a Caixagest ocupou o segundo lugar em subscrições líquidas positivas, 75,3 milhões de euros (-7,9 milhões desde início do ano), e a Millennium Gestão de Activos ocupou o terceiro, com 43,5 milhões de euros, tendo o segundo montante mais elevado desde início do ano (207 milhões de euros). A Santander Asset Management acumula o terceiro saldo positivo em  2013, com 137,9 milhões de euros, tendo registado apenas no mês de Maio subscrições líquidas de 4,9 milhões de euros.

Entre a sociedades que não tiveram subscrições líquidas positivas em Maio, Popular Gestão de Activos e Patris Gestão de Activos registaram valo zero, de acordo com os dados mensais divulgados pela APFIPP, enquanto a Montepio Gestão de Activos teve um saldo negativo de 6,8 milhões de euros.

Empresas

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente

O Mais Lido