Esta semana vou estar de olho.. no COVID-19 e nos indicadores de sentimento económico


(O contributo desta semana é da autoria de João Pina Gomes, responsável pela distribuição de fundos de investimento e portefólios de advisory do ABANCA.)

Na próxima semana continuará a haver um tema incontornável, o COVID-19. Será crucial acompanhar-se a sua expansão no Mundo e o seu impacto na Economia Mundial.

O COVID-19 não tem um impacto imediato nas estatísticas. Ainda há muito poucos dados relativos ao mês de fevereiro, quando começou a haver casos para além das fronteiras chinesas. O impacto no mercado de trabalho e no consumo das famílias só deverá ser claro na Primavera ou no Verão. No entanto, à medida que o mês de março for avançando os números começarão a refletir a evolução económica das últimas semanas.

Os indicadores de sentimento poderão ser os primeiros a detetar algum abrandamento económico. Na próxima semana o indicador da Universidade do Michigan ou o indicador de sentimento da Bloomberg e de alguns bancos centrais europeus revestir-se-ão de grande importância. No último estudo publicado pela Universidade do Michigan 20% dos entrevistados já referiram o COVID-19 como uma preocupação apesar de, em média, ainda se encontrarem otimistas relativamente à Economia. Veremos se a leitura do dia 13 nos trará novos dados.”

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas

O Mais Lido