Tags: Ações |

Esta semana vou estar de olho nos resultados trimestrais empresariais


(O 'Esta semana vou estar de olho em...' desta semana é da autoria de Emília O. Vieira, Chairman & CEO da Casa de Investimentos)

Na próxima semana vamos fazer o que fazemos sempre: procurar valor pelo mundo e comprar se o encontrarmos a cotar a desconto significativo. O nosso trabalho é sempre o mesmo: é procurar empresas que tenham fundamentos económicos soberbos, avaliar a capacidade destes negócios continuarem a gerar retornos de capital acima da média, verificar que tenham uma estrutura de capitais sólida, que sejam geridos por gestores capazes e honestos e que tenham os seus interesses alinhados com os acionistas. O que fazemos é aferir quanto valem estas empresas e, uma vez determinado esse valor, confrontamo-lo com a cotação de mercado. Se estiverem a cotar a desconto significativo face ao que valem, compramos. Caso contrário, passam a integrar a nossa pipeline de ideias para que, num momento futuro em que cotem a desconto, se reavaliem e façamos a compra.

Os bons negócios cotam quase sempre a prémio do valor intrínseco e, por isso, o que fazemos é estar preparados para num momento de pessimismo de mercado, um problema no setor ou na empresa ou um reporte de resultados abaixo da expectativa dos analistas ou qualquer evento político que provoque uma queda generalizada nos mercados, façam com que a sua cotação caia e venha cotar o desconto que precisamos para fazermos o investimento com margem de segurança. Esta deve ser a essência de qualquer investimento inteligente.

Nunca sabemos o que o mercado irá fazer no curto prazo. Não sabemos como cotarão este ou aquele título amanhã, na próxima semana ou daqui a um ano. No entanto, sabemos que se formos pacientes e mantivermos a disciplina comprando bom a preços sensatos, conseguiremos retornos muito satisfatórios e fazemo-lo com risco limitado.

Na próxima semana continuarão a ser divulgados resultados trimestrais de algumas empresas que acompanhamos e que, ao preço certo, devem integrar a carteira de investimento de qualquer investidor. O facto de estarmos em agosto e a liquidez nos mercados ser mais baixa, poderá fazer com que, se os resultados desapontarem, assistamos a quedas substanciais nas cotações que nos permitam alocar capital. Por isso, gostamos de estar preparados financeira e psicologicamente para as aproveitar.

A filosofia de Investimento em Valor é uma estratégia que procura maximizar a objetividade. As decisões de comprar e de vender são motivadas pela qualidade do que estamos a comprar e o desconto que conseguimos no momento da compra. É simples, mas não é fácil de executar porque a maior parte das vezes as pessoas tomam decisões de compra e de venda motivadas pela popularidade dos títulos. Ora o que tem más notícias, que naturalmente fica mais barato, não é o que as pessoas querem comprar. É desconfortável fazer o contrário da maioria, mas é isso temos que fazer para potenciar retornos a longo prazo. 

Na Casa de Investimentos, temos vantagens enormes face à maioria dos investidores: escolhemos seguir a filosofia de investimento em valor, estamos focados em criar riqueza a longo prazo e temos o privilégio de trabalhar para investidores que confiam em nós e estão também comprometidos com este horizonte temporal. Só desta forma podemos investir com risco limitado em ações e esta tem sido a classe de ativos que melhor tem remunerado o capital. Tudo indica que o continuará a fazer.

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente