Tags: Europa | EUA | Japão |

Esta semana vou de estar de olho... nas ondas de choque da cimeira do G20


(O 'Esta semana vou estar de olho em...' é da autoria de João Eufrásio, Head of Institutional Portfolio Management, na BMO Global Asset Management . 

O crescente peso dos factores geo-politicos na atuação dos bancos centrais e na reacção dos mercados coloca a cimeira do G20 em Osaka em outro nível de importância com todas as atenções viradas para o encontro Trump-Xi que terá repercursões de curto, médio e longo prazo.

No actual contexto extremado de valorização das principais classes de activos onde as acções norte americanas registam máximos históricos e as taxas de juro na alemanha batem mínimos consecutivos,  a reacção dos mercados ao  resultado do encontro  poderá  facilmente ser amplificado.

Na topo da lista dos investidores e consequentemente na reacção do mercado estará a actuação da Reserva Federal, que ainda esta semana sinalizou a disposição para inverter o ciclo da politica monetária e que, dependendo do resultado da cimeira, poderá, tal como 1995 e em 2012 (neste último onde actuou preventivamente sobre riscos de impasse fiscal) voltar a usar o arsenal de politica monetária ao seu dispor para ganhar margem de manobra no contexto da guerra comercial US-China.

A evolução do Dolar, que mereceu grande atenção por parte do Presidente Trump na antecâmera da Cimeira, será igualmente outra variável importante a observar no rescaldo da encontro,  tendo em consideração a importância dessa evolução não só para a economia Norte Americana mas também  para  muitos  mercados  emergentes.

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente

O Mais Lido