Tags: Estilo |

E se a comida francesa se unir à portuguesa?


No antigo restaurante “Alma” ganhou vida o novo espaço do chef Waltee Blazevic, de origem francesa. O Lisboète, segundo o site do restaurante,  é o novo ponto de encontro entre as cozinhas gaulesa e lusa, onde nasce uma ementa criativa e surpreendente, capaz de combinar foie gras e vinho do Porto, bacalhau e trufas, chá de jasmim e pera rocha.

Ainda que o chef seja francês a carta do espaço tem por base alguns dos melhores produtos e sabores portugueses, subtilmente combinados com outros mais internacionais. Exemplo disso é o salmão confitado em flor de sal, o abacate e wasabi ou o aveludado de alho francês com lascas de bacalhau e emulsão de trufas.

Depois do sucesso da primeira casa em Óbidos, onde conquistaram um Bib Gourmand do Guia Michelin (distinção atribuída a restaurantes com refeições cuidadas a preços moderados) e mais tarde do restaurante "O Incógnito" nas Caldas Raínha, o Chef Walter B. e a sua companheira, Mariana Monte, chegaram à capital.

O restaurante situa-se na Calçada Marquês de Abrantes, n.º 94.

O Mais Lido