Tags: Negócio |

Dez maiores fundos nacionais arrecadam metade dos ativos


O mercado de fundos mobiliários português está extremamente concentrado num pequeno conjunto de fundos e entidades. De facto, dos cerca de 11 mil milhões que representam o património em fundos domiciliados no nosso país, pouco menos de metade é gerido pelas 10 maiores estratégias nacionais. Adicionalmente, apenas quatro entidades posicionam os seus fundos nesta lista, a BPI GA, a Caixagest, a IMGA e a Santander AM. A primeira posiciona quatro fundos entre os 10 maiores, enquanto a segunda arrecada três posições. 

O maior fundo deste ranking, a par com o terceiro maior - Caixagest Liquidez e BPI Liquidez-, representam estratégias de liquidez e englobam 1,86 mil milhões de euros dos 5,47 mil milhões de euros em ativos sob gestão concentrados nos 10 maiores fundos nacionais. 

Os fundos Planos de Poupança Reforma (PPR) ocupam três posições entre os maiores, sendo que o segundo lugar, com 669,5 milhões de euros em ativos, é o fundo BPI Reforma Obrigações PPR, um fundo de obrigações sob formato PPR da BPI Gestão de ativos.

Entre os restantes fundos da tabela, destaque para o único fundo de ações com dimensão para figurar na mesma, o Caixagest Ações Líderes Globais, um fundo com selo Blockbuster e Consistente Funds People.

As restantes estratégias encaixam na categoria de fundos allocation, com um enfoque global. 

Captura_de_ecra__2019-03-20__a_s_17

 

Empresas

Notícias relacionadas

O Mais Lido