Contribuições para fundos de pensões crescem mais de 40% no semestre


No primeiro semestre de 2020 as contribuições para os fundos de pensões aumentaram, bem como os benefícios pagos. Os dados mais recentes da ASF,  referentes ao primeiro semestre do ano, mostram que “as contribuições para os fundos de pensões e o montante dos benefícios pagos registaram um acréscimo de 40,2% e 3,2%, respetivamente, face ao período homólogo”. Contudo, os montantes geridos sofreram – provavelmente – com o contexto que acabou por marcar o semestre, tendo-se retraído no período, no caso um decréscimo de 0,6%, comparativamente com o final do ano de 2019.

No que ao universo de fundos diz respeito pouco mudou. A Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões dá conta de apenas menos dois fundos de pensões fechados no período, enquanto, por outro lado, três fundos de pensões viram a luz do dia, o que, contas feitas, perfaz um balanço de 233 produtos em junho.

Captura_de_ecra__2020-08-31__a_s_16

Fonte: ASF, junho

No âmbito das adesões coletivas, conta ainda a Autoridade, foi extinta uma adesão, decorrente do Decreto-lei n.º 151/2019, com a transferência para a Caixa Geral de Aposentações, I.P. Durante este período foram constituídas 56 novas adesões, repartidas por 17 fundos de pensões abertos.

A estrutura de mercado, como se pode verificar na figura abaixo, tem-se mantido estável: os fundos fechados representam 87,3% do mercado.

Captura_de_ecra__2020-08-31__a_s_16

Fonte: ASF, junho

Os contributos para os fundos de pensões, comparativamente com o período homólogo, revelaram um substancial aumento, que, como já referido ultrapassou os 40% relativamente ao total dos fundos de pensões. Um crescimento transversal, que se deu tanto nos fundos fechados, como nos fundos abertos, mas cuja expressão foi mais significativa  ao nível dos fundos fechados. Terminado junho, este valor ascendeu a 432,7 milhões de euros, que comparam com os 288,8 de um ano antes. No caso dos fundos abertos, as contribuições elevaram-se para os 237,2 milhões de euros, mais de 60 milhões dos quais pertencentes aos PPR.

Captura_de_ecra__2020-08-31__a_s_16

Fonte: ASF, junho

Relativamente aos benefícios pagos pelos fundos de pensões, o  crescimento no semestre ficou acima dos 3%. Nos fundos abertos, por exemplo, esse valor quase tocou nos 70 milhões de euros.

 

Captura_de_ecra__2020-08-31__a_s_16

Fonte: ASF, junho

Notícias relacionadas

O Mais Lido