Tags: ETF | Alternativos |

Chart of the Week - A mobilidade enquanto tema de investimento


(O Chart of the Week desta semana é da autoria de Rui Castro Pacheco, diretor adjunto de investimentos do Banco BEST)

sg2018030541562

Muito se tem falado em toda a temática que gira em torno da mobilidade.

Desde os primeiros telemóveis e computadores portáteis até aos atuais dispositivos móveis e até automóveis elétricos, um longo mas rápido caminho se fez. Comum em todas estas histórias, a necessidade de armazenar e consumir de forma cada vez mais eficaz a carga elétrica para que a mobilidade seja possível.

Também a utilização de energias renováveis, nomeadamente eólica e fotovoltaica, com os seus picos e quebras de produção têm colocado alguma pressão para que sejam encontradas formas de armazenamento que permitam depois uma utilização dessa energia de forma mais constante.

É neste ambiente que percebemos que a indústria ligada à produção de baterias pode ser um tema de investimento interessante, já que não se vislumbra que a sua procura possa diminuir... bem pelo contrário.

Ainda que estejam a ser pesquisadas algumas alternativas tecnológicas, o lítio é hoje um dos componentes fundamentais na produção das melhores baterias disponíveis no mercado, pelo que vale a penas termos em consideração este fator adicional nos nossos temas de investimento.

Captura_de_ecra__2018-03-08__a_s_10É por isso que penso valer a pena olhar para o ETF que replica o índice de empresas ligadas à tecnologia de baterias e lítio. Olhando para o desempenho deste índice (em USD) face ao mercado (S&P 500) no último ano, vemos que a sua performance tem sido de facto bem superior, refletindo uma real procura por empresas ligadas ao tema. Ainda assim, a sua correção este ano foi realmente forte, pelo que poderemos estar num novo ponto de entrada mais interessante, pelo menos face ao que estávamos no final do ano passado.

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas

Chart of the Week - A volatilidade das criptomoedas

No Chart of the Week desta semana regressamos a um tema que esteve tão em voga durante o ano passado, mas que nestes primeiros meses de 2018 tem vindo a ter menos destaque. Rui Olo, responsável na direção de marketing pelos produtos e investimentos do ActivoBank, analisa a volatilidade das criptomoedas, em particular da Bitcoin.

Anterior 1 2 Siguiente

O Mais Lido