Tags: ISR |

Celebramos três anos de sucesso no âmbito dos investimentos ASG com a estratégia Global Stars Equity da Nordea


TRIBUNA de Johan Swahn, gestor de estratégia, da Nordea Asset Management. Comentário patrocinado pela Nordea Asset Management.

Este mês, a Nordea enche-se de orgulho por celebrar o terceiro aniversário da nossa estratégia Global Stars Equity. O terceiro aniversário é um marco importante para qualquer fundo, mas especialmente para uma estratégia baseada em critérios ambientais, sociais e de bom governo (ASG) que oferece aos investidores uma forma de investir com responsabilidade. A estratégia faz parte da família STARS da Nordea, a nossa gama insígnia de fundos ASG.

A tendência do investimento responsável acelerou de forma considerável durante os últimos anos e aumenta de dia para dia. A procura por soluções ASG cresce à medida que se constata que a gravidade dos desafios do meio ambiente. Observamos um crescente compromisso por parte das empresas e dos investidores, e cada vez se torna mais evidente que os fatores ASG podem exercer um impacto na rentabilidade a longo prazo. O nosso objetivo “rentabilidade e responsabilidade” tornou-se, sem sombra de dúvidas, numa realidade.

A estratégia Global Stars Equity da Nordea Asset Management (NAM), uma das principais soluções ASG, representa um conceito e uma abordagem únicas, nos quais as equipas de investimento integram plenamente os fatores ASG no processo de investimento, e utilizam o diálogo e a interação com as empresas para alcançar um impacto real. Esta abordagem permite à estratégia oferecer alfa e aos investidores perfilar o mundo de amanhã. Com mais de 450 milhões de USD em ativos geridos, a estratégia Global Stars Equity registou um bom retorno em relação ao seu índice de referência e ao seu grupo de homólogos naquele que foi um contexto de crescentes turbulências nos mercados de ações globais.

O que torna única esta estratégia e a gama de fundos STARS é a integração entre a equipa de Fundamental Equities, que seleciona valores e aloca o capital, e a equipa de Investimento Responsável, que analisa os aspetos ASG. A integração das equipas é chave. Desde a criação de ideias até à interação com empresas, as nossas equipas colaboram para obter uma visão integral de cada componente em carteira.

Os nossos analistas ASG trabalham em linha com os gestores de carteira ao longo do processo de investimento, proporcionando informação essencial sobre os possíveis riscos e oportunidades ASG. A minha equipa leva a cabo uma análise bottom-up para identificar ineficiências do mercado, enquanto a equipa de Investimento Responsável realiza uma análise exaustiva do fundo em termos de ASG. As nossas equipas integram-se na perfeição e a análise das questões ASG ajuda-nos a entender perfeitamente o risco do modelo empresarial a nível individual, quer se trate de uma empresa especializada em café ou de um fabricante de carros. Estamos convencidos de que a análise das questões ASG nos ajudarão a escolher melhor os investimentos ao longo do tempo.

O nosso conceito STARS utiliza um modelo próprio de classificação ASG desenvolvido internamente. Além disso, os fundos só investem em empresas que cumprem os padrões ASG da NAM. Cada empresa em que investimos ou em que estamos a pensar em investir é analisada para determinar se leva a cabo a sua atividade de forma responsável em relação a todos os seus grupos de interesse, ou seja, empregados, provedores, clientes, investidores, o meio ambiente e a sociedade no seu conjunto. A equipa de Investimento Responsável avalia se os produtos ou os serviços da empresa estão bem posicionados em relação às megatendências de sustentabilidade mais amplas, como as mudanças climáticas ou as mudanças demográficas. Por último, a equipa de Investimento Responsável determina a forma em que a empresas incorpora os desafios ASG no seu modelo de negócio, pois este fator representa um aspeto essencial da análise. A equipa de Investimento Responsável aproveita o seu sólido e provado modelo de classificação interna para atribuir uma classificação a cada empresa, o que determina se existe uma tendência positiva ou negativa. Cada empresa recebe uma classificação A, B ou C. Nenhuma estratégia da gama STARS pode investir em empresas com uma classificação C.

A interação com as empresas é outro componente essencial da nossa estratégia. Na colaboração com a nossa equipa de Investimento Responsável, criamos um plano de interação em que se identificam os temas ASG mais importantes e relevantes para cada empresa. A interação pode adotar várias formas, desde conferências telefónicas até reuniões presidenciais e visitas de campo. Interagimos com aproximadamente 130 empresas por ano no conjunto das carteiras STARS. Juntos, a nossa equipa de gestão e a equipa de Investimento Responsável tornaram a interação com as empresas numa parte integral do conceito STARS. Para a NAM, isto representa iniciar diálogos construtivos e abertos com as empresas e influir nelas de maneira positiva quando observamos deficiências ou potencial para melhorar questões ASG e reduzir os riscos de queda. Esta é uma parte essencial do nosso marco de análise ASG, que está totalmente integrado na análise fundamental. Para nós, representa uma forma de preservar e aumentar o valor acionista a longo prazo, assim como de gerar rentabilidades com responsabilidade.

A nossa motivação reside no sucesso colhido pela nossa estratégia Global Stars Equity ao longo dos últimos três anos. O nosso desejo é manter uma colaboração que nos permita descobrir oportunidades de investimento financeiramente atrativas e capazes de sortear os desafios de sustentabilidade atuais.

Disclamer

Nordea Asset Management é o nome funcional do negócio de gestão de ativos conduzido pelas seguintes entidades legais: Nordea Investment Funds S.A. e Nordea Investment Management AB (“as Entidades Legais”) e as suas sucursais, subsidiárias e escritórios de representação. Este documento tem o objetivo de prover o leitor com informação sobre as capacidades específicas da Nordea. Este documento (ou qualquer visão ou opinião expressa no mesmo) não representa um conselho de investimento nem uma recomendação de qualquer produto financeiro, estrutura de investimento ou instrumento, para entrar ou sair de certa transação ou para participar em qualquer estratégia de trading. Tal só poderá ser feito através de um Offering Memorandum, ou através de um contrato similar. O presente documento não poderá ser reproduzido ou divulgado sem autorização prévia. © As Entidades Legais aderentes à Nordea Asset Management e todas as suas sucursais, subsidiárias e escritórios de representação.

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente