Tags: Negócio |

Captações líquidas: BPI Gestão de Activos em destaque no mês de março


O mercado mobiliário nacional mantém a tendência positiva que se tem registado nos últimos meses. Segundo o mais recente relatório da Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios (APFIPP), no mês em questão registou-se um saldo positivo de entradas de 140,8 milhões de euros

“Em 31 de março de 2017, o valor dos ativos geridos pelos F.I.M. ascendeu a 11.525,9 milhões de euros, o que se traduziu num aumento de 1,6% face ao mês anterior”, revela o relatório da entidade.

Os dez fundos com saldo de captações líquidas superior a 10 milhões

Dos cerca de 170 fundos que compõem o mercado nacional, foram dez os fundos que ultrapassaram a barreira dos 10 milhões de euros em captações líquidas no mês de março.

A BPI Gestão de Activos é a gestora nacional em destaque, uma vez que três fundos da sua responsabilidade captaram mais de 20 milhões de euros no mês em questão. O primeiro lugar é ocupado, mais uma vez, pelo fundo BPI Liquidez, com captações líquidas superiores a 61 milhões de euros. Na segunda posição surge o fundo BPI Reforma Segura PPR, cujo saldo ascendeu a 33 milhões de euros. A terceira posição é ocupada pelo fundo Caixagest Obrigações, da responsabilidade da Caixagest, com 28 milhões de euros de entradas líquidas.

Entre os fundos com saldo superior a 10 milhões de euros, encontram-se ainda o fundo BPI Obrigações Mundiais, da responsabilidade da BPI Gestão de Activos, e o Caixagest Seleção Global Moderado, da responsabilidade da Caixagest, com 21 milhões de euros e 19 milhões de euros, respetivamente.

Destaque, ainda, para o fundo da responsabilidade da IM Gestão de Ativos, o IMGA Poupança PPR, com cerca de 18 milhões de euros em entradas líquidas, e também para o fundo cuja responsabilidade é da Santander Asset Management, o Santander MultiTesouraria, que apesar de ter figurado como um dos três melhores fundos no mês passado, em março registou um saldo superior a 14 milhões de euros.

A fechar este top 10 surgem os fundos BPI Monetário Curto Prazo e o BPI Reforma Investimento PPR, ambos da responsabilidade da BPI Gestão de Activos, e ainda o IMGA Liquidez, da IM Gestão de Ativos.

Fundos captações março

Fonte: APFIPP, 31 de março. 
Empresas

Notícias relacionadas