Tags: Negócio |

Capitalização bolsista das UPs cresce, em 2016, na Euronext Lisbon


Os dados recentemente publicados pela CMVM – referentes ao mês passado – mostram como se tem comportado o mercado de capitais em Portugal. Além da volatilidade e da evolução da indústria de fundos de investimento é também possível verificar como tem sido o comportamento das Unidades de Participação, nomeadamente aquelas que contribuem para a capitalização bolsista da Euronext Lisbon.

No relatório do regulador intitulado “indicadores de síntese do mercado de capitais português” é possível ver-se que a capitalização bolsista da Euronext Lisbon, no final do mês passado, era de 227.526 milhões de euros, um valor mais alto em 2,7% do que o registado no final de julho. Se compararmos com o valor registado no final do ano passado, a descida é muito residual, na ordem dos 0,2%. Já em termos homólogos, a diferença atinge mais de 5%, com o valor em 2016 a ser mais baixo do que em agosto de 2015.

Já nas Unidades de Participação (UPs) o comportamento é um pouco diferente. No final de agosto o valor da capitalização bolsista das UPs atingia mais de 346 milhões de euros, menos 0,5% do que o valor registado em julho. Ainda assim, se compararmos com o mês homólogo, o crescimento situou-se em mais de 29%, enquanto que em 2016 o aumento é superior a 42%.

Evolução da Capitalização Bolsista das UPs em 2016

UPs_capitalizacao_bolsista

Fonte: CMVM. Valores em milhões de euros.

Transações em 2016 em queda

Em termos de transações acumuladas das UP no mercado secundário a contado, o valor é mais reduzido em praticamente 45%, se compararmos com os primeiros oito meses do ano passado. Este ano, o valor acumulado supera os 45 milhões de euros, que compara com os 81,8% milhões de euros registado no mesmo período de 2015.

Notícias relacionadas