Tags: Negócio |

BPI Gestão de Activos já gere mais de 3.000 milhões de euros


No final do mês de outubro, os dados publicados pela Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios – APFIPP – mostram que os fundos mobiliários em Portugal tinham um património superior a 10.959 milhões de euros, um valor mais alto em 1% quando comparado com o mês anterior. Em termos monetários esse aumento representa mais cem milhões de euros. Se compararmos com o final de 2015, a tendência é contrária, com a queda do valor a ser de cerca de 8%.

No mês passado, foram algumas as entidades que se destacaram. “A sociedade que registou o maior crescimento, em termos percentuais, foi a GNB - SGFIM, com 10,1% (27,7 milhões de euros), sendo que o maior crescimento, em valores absolutos, pertenceu à BPI Gestão de Activos, com 59,1 milhões de euros (2,0%)”, revela a Associação na sua nota informativa.

Já se análise for feita ao longo deste ano, “a Invest Gestão de Activos foi a sociedade que registou o maior crescimento, em termos percentuais, com 22,8% (3,1 milhões de euros), pertencendo à BPI Gestão de Activos o maior crescimento, em valores absolutos, com 236,3 milhões de euros (8,5%)“.

BPI Gestão de Activos em grande destaque

Tal como dá para perceber, a BPI Gestão de Activos é das entidades que mais se destacam no mercado nacional. No final do mês passado o seu património sob gestão, no que diz respeito aos fundos mobiliários, ascendia a 3.027 milhões de euros. Com este valor a entidade encurtou o espaço para a liderança, que é ocupada pela Caixagest com mais de 3.500 milhões de euros.

Não podemos esquecer que os ativos sob gestão nos fundos crescem através de duas vertentes: valorização dos ativos e ainda pelas captações líquidas. Se nas captações líquidas podemos ver que em 2016 o volume é positivo, na ordem dos 237 milhões de euros; no caso da valorização dos ativos o destaque vai para os fundos BPI Brasil Valor e BPI Brasil que já cresceram 58% e 42,5%, respetivamente, embora com ativos sob gestão mais baixos.

Que entidades crescem em 2016?

Em 2016 assistimos ao crescimento de quatro entidades gestoras, no que diz respeito aos volumes sob gestão. Além das já mencionadas BPI Gestão de Activos e a Invest Gestão de Activos, as outras duas entidades que aumentaram o seu património foram a Crédito Agrícola Gest e ainda a Optimize Investment Partners. No primeiro caso o incremento foi mais residual, na ordem dos 0,2% para 383 milhões; enquanto que na Optimize Investment Partners o aumento foi de 21,2% para 90,9 milhões de euros.

Empresas