Tags: Obrigações | Ações |

Bolsas iniciam semana em alta


As bolsas europeias abriram a semana em alta, em parte devido às expectativas positivas relativamente à manutenção por parte da FED das políticas de estímulo à economia norte-americana.

Ricardo Almeida, gestor na Patris Gestão de Activos, refere que se tratou de um “início de semana com subidas generalizadas nos mercados de acções europeus, com especial destaque para o desempenho do sector das telecomunicações, que acabou por recuperar mais de 1,5%”.

Na NYSE Euronext Lisbon, o PSI 20 subiu 1,29% para 5.843,71 pontos, com apenas um título negativo (Semapa que deslizou 0,32% para os 6,510 euros).

Entre os títulos que mais contribuíram para a valorização do PSI 20 esteve a Zon Multimédia que subiu 5,24% para os 3,778 euros. O gestor da Patris explicou que o sector das telecomunicações saiu beneficiado com as “notícias relacionadas com um hipotético interesse da AT&T na compra da Telefónica”. Entre as restantes empresas do sector, a Sonaecom valorizou 2,37% para os 1,600 euros e a Portugal Telecom subiu 1,96% para os 3,171 euros.

No sector bancário, o BCP liderou as subidas, fechando a sessão com uma valorização de 2,02% para os 0,101 euros. Seguiu-se o Banif a subir 1,01% para 0,100 euros. O BPI subiu 0,94% para 0,965 euros e o BES valorizou 0,14% para os 0,723 euros.

Nas energéticas, a REN subiu 0,59% para 2,206 euros, a Galp Energia avançou 0,37% para 12,37 euros, a EDP Renováveis progrediu 1% para 3,825 euros e a EDP fechou em alta de 0,47% para 2,549 euros.

A retalhista Jerónimo Martins subiu 1,71% para 16,690 euros.

Por último, Ricardo Almeida disse que “a semana vai ser marcada pela reunião do FOMC a decorrer amanhã e quarta-feira, aguardando-se alguma sinalização por parte da FED relativamente a alterações relevantes aos montantes e à duração do plano de compra de activos actualmente em implementação”. 

Empresas