Tags: Negócio | Ações |

BCP continua a ser a cotada nacional com mais peso nos fundos mobiliários


Depois de, em março, se ter tornado a cotada nacional com maior peso nos fundos mobiliários, o BCP manteve a sua preponderância no primeiro mês de 2018. Esta conclusão é revelada pelos dados publicados pela Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, que indicam que, com um valor investido de 23 milhões de euros, o BCP representa 12,1% do montante total investido no segmento acionista nacional durante o mês de janeiro. Ainda assim, das três maiores posições, foi a única que registou uma variação negativa durante o período em questão (queda de 3%).

Por outro lado, a Sonae foi a cotada do top 3 que maior crescimento registou. O montante nesta investido ascendeu a 18,2 milhões de euros, o que representa um crescimento de 10,7%. Esta apresenta, assim, uma preponderância de 9,6% do total investido. A Galp, por sua vez, terminou na terceira posição, representando 7,9% do total – decorrente de um montante investido de 15,1 milhões de euros, mais 8,9% face ao final de dezembro passado.

Valor investido em ações nacionais (10 maiores)

Captura_de_ecra__2018-02-19__a_s_12

Fonte: CMVM, 31 de janeiro de 2018

Panorama além do mercado de ações nacional

Olhando para os dados disponibilizados pela CMVM, é possível concluir que, fora do mercado de ações nacional, os títulos com maior valor investido foram a Siemens, LVMH, Apple e Microsoft. Embora de mercados diferentes – os dois primeiros pertencentes ao mercado da União Europeia e os restantes do mercado fora da UE –, estes quatro títulos foram os únicos cujo valor investido ultrapassou os 20 milhões de euros. 

Valor investido em ações estrangeiras (10 maiores)

Captura_de_ecra__2018-02-19__a_s_12

Fonte: CMVM, 31 de janeiro de 2018

Notícias relacionadas

O Mais Lido