Tags: Negócio |

Aplicações em FEI responsáveis pelo saldo positivo dos fundos este ano


Os dados mensais da APFIPP mostram que, nos primeiros cinco meses de 2012, o saldo entre subscrições e resgates dos FEI ascendeu a 607,9 milhões de euros, o que permitiu que as subscrições líquidas de todas as categorias de fundos consideradas (30) fosse positiva em 71,1 milhões de euros. 
Entre os fundos especiais, a categoria que mais investimento captou foi a de Monetário de Curto Prazo, com subscrições de 2,26 mil milhões de euros e resgates de 1,77 mil milhões; desde início do ano e até final de Maio apresentavam saldo negativo apenas os FEI de acções, mistos e de imobiliário.
Exceptuando as oito categorias de FEI, nos primeiros cinco meses deste ano tinham subscrições líquidas apenas outras três categorias, nomeadamente, as de Mercado Monetário Euro, Outros Fundos e fundos de Protecção de Capital.
No total, desde início deste ano e até final de Maio, as 30 categorias de fundos acumulavam subscrições no valor de 3,74 mil milhões de euros e resgates de 3,69 mil milhões.

O Mais Lido