Tags: Negócio | Europa |

Aplicações dos FIM na União Europeia atingem valor mais alto desde 1990


No final do segundo trimestre deste ano, os valores das aplicações dos fundos de investimento mobiliário na União Europeia alcançavam os 7.028 mil milhões de euros, constituindo assim o valor mais alto desde 1990. 

Os dados da EFAMA e publicados pela APFIPP mostram, ainda, que existem 174 fundos mobiliários abertos, sendo que 32% correspondem a fundos de ações, vindo logo depois os fundos de obrigações.

Portugal perto dos 9 mil milhões

Em Portugal, os montantes geridos pelos fundos de investimento mobiliário abertos atingiram os 8.740 milhões de euros, com os fundos de obrigações a ultrapassarem os 2 mil milhões de euros, no final do segundo trimestre. Já os fundos de ações ficaram-se pelos 1.134 milhões de euros em valor gerido no período analisado. Em relação aos fundos de fundos, estes ficaram perto dos mil milhões de euros sob gestão, havendo apenas dados para os fundos de fundos mistos.

Nos fundos de obrigações, praticamente todo o valor gerido está alocado em fundos da Zona Euro. A mesma situação ocorre com os fundos de tesouraria, com todo o valor a ser aplicado da região da União Económica e Monetária. 

Distribuição por categoria (valores em mil milhões de euros)

Fonte: Relatório Estatístico Trimestral Europa relativo ao segundo trimestre de 2014 publicado pela APFIPP.

Notícias relacionadas