Tags: Gestores |

Allfunds e Credit Suisse integram as suas plataformas de fundos numa wealthtech de mais de 500.000 milhões de euros


A Allfunds e o Credit Suisse anunciaram a assinatura de um acordo para combinar as suas plataformas institucionais de arquitetura aberta de fundos de investimentos, CS InvestLab e Allfunds. O resultado vai representar a criação da maior plataforma de distribuição de fundos e ETF, na vanguarda das plataformas de wealthtech, com mais de 500.000 milhões de euros em ativos sob intermediação e distribuição com presença em mais de 45 países.

A Allfunds, a plataforma institucional líder dentro da indústria wealthtech, continuará assim a sua expansão graças ao Credit Suisse InvestLab, umas das maiores plataformas B2B de fundos e ETF na Europa. O resultado da combinação de ambas as plataformas representará um acesso imediato a mais de 78.000 fundos e ETF, aos mais de 640 distribuidores espalhados por 45 países, alcançando um número de ativos sob intermediação e distribuição de mais de 500.000 milhões de euros. Este acordo permitirá à Allfunds acelerar e expandir o seu investimento e desenvolvimento de novos serviços e soluções para beneficiar as gestoras, distribuidores e outros intermediários.

A operação que foi anunciada esta terça-feira inclui a transmissão por parte do Credit Suisse a favor do Grupo Allfunds de todas as suas ações no Credit Suisse InvestLab, assim como a sua equipa, tecnologia e os correspondentes contratos de serviços a gestoras, bem como os contratos de distribuição relacionados com os mesmos. A equipa atual de gestão do CA InvestLab será integrada na Allfunds assumindo cargos diretivos e o Credit Suisse, por sua vez, passará a utilizar a plataforma da Allfunds como parte fundamental da oferta para os seus clientes.

A Allfunds continuará a operar de forma independente para todos os efeitos. A maioria da estrutura acionaria continuará nas mãos de Hellman & Friedman e GIC, e o Credit Suisse tornar-se-á num acionista minoritário da Allfunds com uma relação de distribuição com esta.

Esta operação entre a Allfunds e o Credit Suisse representa um marco importante dentro do universo das plataformas de fundos de investimentos, tornando-se na maior operação de consolidação da história deste sector. Este acordo enquadra-se dentro da estratégia da Allfunds, uma estratégia que passa por continuar a sua expansão global em direção a novos territórios e o fortalecimento do seu negócio na Ásia e na Europa Central. A Allfunds também aumentará o seu alcance e presença física na Suíça, que se tornará um dos centros de operações e de negócios chave para o grupo Allfunds.

Para Juan Alcaraz, CEO da Allfunds, “graças a este acordo entre o Credit Suisse InvestLab e a Allfunds, estamos a cimentar as bases de uma empresa mais forte e com um futuro prometedor dentro do universo das plataformas wealthtech B2B. O Credit Suisse é uma entidade de prestígio reconhecida no mundo de wealth management e a sua aposta neste acordo é um prova da importância da Allfunds e da sua tecnologia dentro do nosso sector. Sentimo-nos afortunados por poder contar com a equipa do InvestLab e incorporar a mesma na Allfunds. Continuamos desta forma com os nossos compromissos de crescimento global e melhoria contínua da nossa oferta de serviços orientados para distribuidores e gestoras de fundos, oferecendo-lhes tecnologia de ponta, soluções digitais e a análise de dados mais inovadores do mercado”.

A operação está sujeita às condições de encerramento habituais em operações deste tipo, incluindo as correspondentes autorizações regulatórias e de competência, a implementarem-se em várias fases ao longo do tempo. Espera-se que o encerramento da transmissão do CreditSuisse InvestLab a favor da Allfunds tenha lugar no terceiro trimestre de 2019, enquanto que a consequente transmissão dos contratos de distribuição se completa no primeiro trimestre de 2020.

Volume Intermediado

A Alfunds é uma das empresas wealthtech líderes no mundo, responsável por oferecer um serviço que inclui big data e análise, ferramentas de carteira e de análise e serviços normativos.

Criada no ano de 2000, conta na atualidade com mais de 380.000 milhões de euros em ativos sob gestão e oferece mais de 78.000 fundos de mais de 1.485 gestoras. Tem presença local em Luxemburgo, Suíça, Reino Unido, Espanha, Itália, Emirados Árabes Unidos, Singapura, Chile, Colômbia e Brasil e conta com 642 clientes institucionais, entre os quais se incluem banca de retalho, bancas privadas, seguradoras, gestoras de fundos, brokers e outras empresas de investimento de 45 países.

Por seu turno, o Credit Suisse InvestLab é uma plataforma de fundos de investimento institucional de arquitetura aberta do grupo Credit Suisse. A plataforma oferece aos distribuidores acesso a mais de 46.000 fundos de investimento de mais de 170 fornecedores de todo o mundo, com mais de 140.000 milhões de francos suíços em ativos sob distribuição.

Produtos
Empresas

Notícias relacionadas