A APW investe 11 milhões de euros em Portugal nos próximos três anos


A APWireless Infrastructure Partners LLC, fundo de investimento norte-americano para a aquisição e gestão de contratos de arrendamento de torres e antenas para telemóveis, acaba de anunciar a sua entrada no mercado nacional com um investimento de 11 milhões de euros a realizar nos próximos três anos. Ao atuar como intermediário entre proprietários de imóveis e operadoras de telecomunicações, a recém-constituída APW Portugal pretende mitigar os riscos inerentes aos contratos, potenciando um significativo encaixe financeiro aos proprietários.

Segundo o comunicado, trata-se de um fundo pioneiro neste modelo de negócio, consolidado na América do Norte e em diversos países europeus e atua no sector das infraestruturas de telecomunicações, focando-se na aquisição e gestão de contratos de arrendamento de torres e antenas para telemóveis, tornando-se num agente facilitador para proprietários e operadoras.

Assim, a APW Portugal adquire os direitos dos contratos de arrendamento que os proprietários de imóveis detêm com as operadoras de telecomunicações, oferecendo-lhes capital a pronto pagamento em troca do aluguer que iriam receber mensalmente e proporcionando-lhes uma alternativa para capitalizar o aluguer associado a essas infraestruturas.

“Temos assistido nos últimos anos a uma perda de valor elevada nos alugueres dos contratos, devido à inflação e à renegociação de contratos. Neste contexto, a APW Portugal representa uma alternativa rentável para os proprietários, não só porque mitiga os riscos inerentes a estes contratos, mas, sobretudo, porque lhes permite ter uma liquidez imediata e sem riscos, que pode ser direcionada para outros fins”, afirma Eduardo Liuzzi, vice-presidente regional Ibéria da APW.

De acordo com o comunicado, o investimento da APW Portugal é dividido por regiões e classes de proprietários – Associações, Governo, Pequenos Negócios, Propriedade Familiar, Condomínios, entre outros. Entre os contratos analisados apenas alguns são selecionados e, posteriormente, qualificados para investimento.

Relativamente ao tipo de análise que a empresa faz, esta analisa cada contrato individualmente com o intuito de avaliar os termos jurídicos e económicos estabelecidos, bem como as variáveis de risco inerentes a este tipo de contrato. A proposta de investimento formalizada pela APW Portugal tem em consideração vários fatores como o valor do aluguer recebido atualmente, o risco de insolvência da operadora que paga o aluguer, a localização do imóvel, a procura por cobertura na região, as tecnologias dos equipamentos instalados, além das diversas cláusulas e direitos presentes em cada contrato.

Por fim, a APW personaliza as propostas de modo a responder às necessidades de cada um, sejam pessoas individuais, empresas ou condomínios residenciais e comerciais. Uma vez concluído o investimento, o proprietário recebe um pagamento a pronto e a APW Portugal passa a assumir o direito de receber os alugueres, tornando-se responsável pela gestão e relacionamento com as operadoras.

Notícias relacionadas

O Mais Lido