Selo Funds People

Num mercado como o português, que conta com mais de 2.500 fundos registados para venda, a Funds People divulga os fundos com selo Funds People 2018. São 443 produtos com selo, que se destacam por um ou vários dos seguintes três critérios:

A Favoritos dos Analistas. Fundos que acumulam um mínimo de cinco votos dos selecionadores de pelo menos dois países dentro de cada questionário anual realizado em Portugal, Espanha e Itália, dirigido aos analistas de fundos, sobre os seus produtos favoritos. Existem 22 fundos que conseguem este selo. 

B Blockbuster.  São os super-vendas do mercado. Incluem-se os produtos com mais de 100 milhões de euros distribuídos no mercado ibérico: cerca de 285 fundos internacionais alcançam este nível. Nos produtos locais, há 20 fundos que alcançam esse patamar. 

C Consistentes. A equipa de Análise da Funds People, dirigida por Maria Folqué, desenvolveu um modelo de seleção próprio para destacar os produtos mais consistentes em cada categoria, a partir da base da Morningstar Direct, com referência ao final do último ano civil. São analisados os fundos registados para venda em Portugal, com uma antiguidade mínima de três anos à data de referência da análise. De cada fundo é selecionada uma classe, a mais representativa segundo um conjunto de critérios ordenados da seguinte forma: classe em euros, unhedged, maior antiguidade, classe institucional, maior share class e classe de acumulação. Esta classe selecionada será comparada com os restantes fundos da sua categoria através de dois scorecards. No primeiro, são considerados critérios de rentabilidade e volatilidade acumulada a 3 e 5 anos, e no segundo, dados individuais dos últimos cinco anos civis. Em ambos os casos, a rentabilidade e a volatilidade têm um peso de 65% e 35%, respetivamente. Do modelo resultam os fundos que se situam no primeiro quartil em ambos os scorecards. Há 188 fundos com classificação Consistente Funds People. 

Nos três casos são excluídas da análise as categorias de fundos com garantia de capital, target date, do mercado monetário, obrigações de muito curto prazo e rentabilidade objetivo.