Venture capital: número total de operações em 2015 já supera o número de 2014


No mês de outubro a Transactional Track Record indica que o mercado de fusões e aquisições em Portugal registou no mês 24 transações que movimentaram na totalidade 1,90 mil milhões de euros. Entre janeiro e outubro, por seu turno, já se contam 190 transações que movimentaram 17,80 mil milhões de euros, entre anunciadas e concluídas, incluindo a aquisição de ativos e tendo em conta as operações com valor divulgado.

O décimo mês do ano foi ainda um mês de records, já que superou, em termos de valor movimentado, o mesmo período de 2014, 2013 e 2012. Entre janeiro e outubro, os subsectores mais ativos no mercado português foram o sector imobiliário, financeiro  e seguros, tecnologia e internet respetivamente.

No que diz respeito às aquisições por empresas estrangeiras em Portugal, as empresas espanholas mantêm-se no posto cimeiro de empresas que realizam mais investimentos no acumulado do ano, e até agora já foram registadas 15 aquisições realizadas por empresas de Espanha.

No que toca às empresas portuguesas que adquiriram empresas estrangeiras, no acumulado do ano, estas companhias já realizaram 16 compras em território estrangeiro. As empresas nacionais realizam mais investimentos no Brasil e França - cada um com 4 aquisições – seguindo-se  Espanha, com 2 aquisições. Os subsectores de maior interesse para das empresas portuguesas são:  Outros Bens de Consumo; Internet; Distribuição e Retalho; e Metalúrgica, Siderúrgica e Produção Industrial, respectivamente.

No âmbito do private equity, entre janeiro e outubro já se registaram a 32 transações, com o número total de operações envolvidas já muito próximo do número total de 2014. Em termos monetários, o valor movimentado de janeiro a outubro já quase alcança os 1,4 mil milhões de euros.

Venture capital de vento em popa

No campo do venture capital, no mesmo período, já se registaram 23 transações que movimentaram 27,80 milhões de euros, sendo que este valor já supera o montante movimentado em todo o ano de 2014.

Na habitual referência à transação do mês, o destaque de outubro vai para a venda realizada pela Efacec Capital de 66,1% da Efacec Power Solution à Winterfell Gestão de Investimentos, por aproximadamente 194,80 milhões de euros. Na assessoria jurídica estiveram a PLMJ e a Lopes, Cortes Martins Advogados. Como assessores financeiros a transação contou com a Caixa BI e o Banco BPI.

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos