Tags: Alternativos |

Valor gerido pelos fundos imobiliários cresce em julho


Terminou o mês de julho e com ele veio um crescimento de 1% no valor líquido global dos Fundos de Investimento Imobiliário. De acordo com o relatório mensal publicado pela Associação de Fundos de Investimento, Pensões e Património, o volume gerido pelos F.I.I passou de 10.074,4 milhões de euros no mês de junho, para 10.056,6 milhões de euros no final do mês de julho. “Desde o início do ano verifica-se um crescimento de 2,9%”, revela o relatório. Apesar deste crescimento, o valor do património imobiliário detido pelos FII fixou-se nos 10.056,6 milhões de euros no final do mês em questão, “o que representa uma diminuição mensal de 0,2%”, pode ler-se na publicação.

No que diz respeito aos fundos em atividade, no mês de julho registou-se o início de atividade de um novo veículo de investimento. Trata-se do Fundo Arquimedes, que aumentou o número de produtos em atividade para 199. 

Quanto às categorias de fundos que mais preponderância apresentam parece não haver surpresas. Assim, no final do mês de julho, a categoria de Fundos Fechados manteve-se como a que maior volume de ativos sob gestão apresenta (5.107,4 milhões de euros), seguida pela dos Fundos Abertos de Rendimento (1.648,5 milhões de euros) e pela dos Fundos Abertos de Acumulação (1.644 milhões de euros). A categoria de Fundos Fechados foi, por sua vez, a categoria que mais cresceu tanto em termos percentuais – mais 1,6% no mês em questão – como em valores absolutos – mais 81 milhões de euros.

Por outro lado, desde o início do ano, a categoria que mais cresceu em valores absolutos foi a categoria de Fundos Fechados, com um aumento de 233,5 milhões de euros, o que corresponde a um crescimento de 4,8%. Em termos percentuais, a categoria de Fundos de Reabilitação é a categoria em destaque, com um aumento de 33,5%.

Outras notícias relacionadas


Anterior 1
Anterior 1

Próximos eventos