Tags: Alternativos |

UPs nos fundos imobiliários superam os 85 milhões de euros


No final de outubro os fundos de investimento imobiliário tinham, sob gestão, mais de 11.871 milhões de euros, menos 0,8% do que no final do mês de setembro. Os ativos sob gestão neste segmento têm vindo a cair ao longo de 2014, sendo que apresentam uma queda de 3,4% face ao final do ano passado.

As Unidades de Participação (UPs) em fundos de investimento representavam, no final de outubro, uma parte residual da carteira dos fundos imobiliários. Segundo o relatório mensal publicado pela APFIPP, as UPs em fundos imobiliários representavam cerca de 0,67% da carteira, ou seja, perto de 78,96 milhões de euros. Já as UPs em fundos mobiliários atingiram 6,7 milhões de euros, representando cerca de 0,06% da carteira total dos fundos. Assim, no total o investimento noutros fundos de investimento por parte dos fundos imobiliários supera os 85 milhões de euros. 

Fundos Fechados com maior investimento

Analisando todas as categorias, são os fundos fechados que apresentam a maior parte do investimento, com mais de 79 milhões de euros, entre UPs em fundos imobiliários e mobiliários. Já os fundos imobiliários abertos de acumulação detinham mais de 5 mil milhões de euros em UPs de fundos imobiliários; enquanto os fundos de reabilitação apresentam, em carteira, UPs de ambos os segmentos totalizando pouco mais de 1.250 milhões.

Mercado dinâmico

Entre todas as categorias que compõem as carteiras dos fundos imobiliários, as “construções acabadas arrendadas” estão representadas com praticamente 7 mil milhões de euros. Já as “construções acabadas não arrendadas” não ultrapassam os 2.800 milhões de euros.

Fonte: APFIPP a 31 de outubro

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos