UPs de fundos estrangeiros aumentam na carteira dos fundos mobiliários


Os dados da APFIPP, referentes ao mês de junho, mostram que as unidades de participação em outros fundos representam cerca de 14% do total das carteiras dos mais de 230 produtos de investimento. Entre maio e junho os ativos sob gestão cresceram 0,6% para os 13.443 milhões de euros, sendo que o crescimento em 2014 já vai nos 8,8%.

Dos 13.443 milhões, cerca de 14% são unidades de participação (UPs) em outros fundos de investimento, sejam eles nacionais ou internacionais.

Aumentos nas UPs de produtos internacionais

Apenas nas UPs de fundos de investimento internacionais ocorreu um aumento, entre maio e junho. O montante da subida foi de cerca de 57 milhões de euros, tendo este investimento fechado o mês passado com mais de 1.647 milhões de euros, representando 12% do total das carteira. A Caixagest continua a ser a gestora que mais UPs internacionais tem em carteira, com 570 milhões de euros, seguindo-se a Millennium Gestão de Activos e a Santander Asset Management com 512 e 127 milhões de euros, respetivamente.

UPs nacionais sem oscilações

Em traços gerais, não houve mudanças nos valores que as UPs de fundos de investimento nacionais representam na carteira total dos produtos. O total foi semelhante ao mês anterior, situando-se nos 285 milhões de euros. Estes 2% da carteira total são liderados pela Caixagest com 48 milhões de euros, seguido-se a ESAF com 49 milhões e o Santander Asset Management com 19 milhões de euros.

Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos