Tags: Estilo |

Um concerto de harpa "reinventado"


Em estreia ao vivo, Eduardo Raon vai utilizar a harpa, o daxophone (instrumento inventado por Hans Reichel), o computador e vídeo para uma performance sobre ações impulsivas, gestos involuntários socialmente virais, atuações irrefletidas, etc.

Raon optou por se especializar num instrumento de simbolismo clássico para o subverter por completo em composições experimentais. Eduardo Raon compõe regularmente para cinema, animação, teatro e dança.

“The Drive for Impulsive Actions” é o seu novo álbum, e pode se ouvido hoje às 22h, no Teatro Municipal Maria Matos. 

Próximos eventos