Tendência decrescente na poupança em Portugal


Pelo décimo mês consecutivo, o indicador de poupança conjunto da APFIPP com a Universidade Católica voltou a cair. Os dados publicados por ambas as entidades mostram que no final do mês passado o indicador estava nos 105 pontos, depois de no mês anterior se ter fixado em 105,8 pontos. O valor apresentado no final do mês passado é, inclusive, o mais baixo desde 2011, quando iniciou a rota ascendentes até ao verão passado.

“Com os decréscimos que se vêm verificando no Indicador de Poupança APFIPP/Universidade Católica nos últimos meses, é agora claramente perceptível a tendência descendente, medida pela variação trimestral das séries alisadas, da poupança das famílias, depois de se ter mantido durante vários anos em níveis historicamente elevados”, pode ler-se no relatório publicado.

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos