Tags: Estilo |

Teatro: prepare a sua “agenda cultural” para esta semana


“E os sonhos, sonhos são”

A peça de teatro “E os sonhos, sonhos são” recria as  figuras tradicionais dos palhaços de uma forma específica.

É no actor, na sua fisicalidade, na sua personalidade, que vamos procurar e trabalhar o tipo de palhaço que ele pode ser e o tipo de texto que ele pode dizer; ele será o palhaço branco ou rico, o palhaço pobre ou augusto, o contra-augusto, ou uma personagem clownesca, criada para e apropriada a cada actor.

Será criada uma dramaturgia diferente para cada um dos palhaços, a partir de textos conhecidos da tradição teatral, da "Medeia" a "Romeu e Julieta" ou "Mãe Coragem".

Esta peça de Luísa Costa Gomes, marca o regresso de Julie Sergeant aos palcos nacionais.

De quarta a sábado às 21h30 e domingo às 16h30, no Teatro do Bairro.

Pirandello

Esta é uma peça que parte do romance "Ele foi Mattia Pascal", de Luigi Pirandello, com direcção de Jorge Andrade, e produção da  mala voadora e... apresenta a história do próprio protagonista: Albano Jerónimo. Ou melhor, d'"O Falecido Albano Jerónimo".

Esta peça "não é uma encenação de uma peça de teatro de Pirandello ou uma biografia do famoso autor italiano". É a história de Mattia Pascal – ou Albano Jerónimo – que, numa viagem que faz para se afastar temporariamente de uma vida infeliz, ganha uma pequena fortuna num casino. Quando regressa, rico, depara-se com o próprio funeral. E vê no equívoco uma oportunidade de começar uma nova vida.

Quarta às 19 horas, quinta e sábado às 21 horas e domingo às 16h, no Teatro Nacional D. Maria II.

 

O Mais Lido

Próximos eventos