Setembro foi o mês onde houve mais mexidas nos OICVM este ano


O mês de setembro foi bastante movimentado no que toca aos organismos de investimento coletivo em valores mobiliários (OICVM), segundo os dados publicados pela CMVM.

Entre agosto e setembro houve uma queda dos ativos sob gestão em cerca de 117 milhões de euros, passando a totalizar mais de 8.305 milhões de euros. Nos fundos de investimento alternativo (FIA), o valor sob gestão sofreu uma queda de 5,9% para 3.620 milhões de euros.

Grandes movimentações no mês

Esta queda, nos ativos sob gestão, pode ser justificada pelas grandes movimentações ocorridas no mês passado. Segundo o regulador houve fundos que se fundiram e outros que foram liquidados.

No mês de setembro houve fusões transfronteiriças, de cinco fundos geridos pelo Barclays Wealth Managers Portugal: o Barclays Tesouraria foi incorporado no “Barclays Bond Euro Short Term, Classe A (SICAV Barclays Funds); o Barclays Global Conservador foi incorporado no “Barclays Multimanager Portfolio 1, Classe Z (subfundo da Sicav Barclays Portfolios)”; o Barclays Global foi incorporado no “Barclays Multimanager Portfolio 2, Classe Z (subfundo da Sicav Barclays Portfolios)”; o Barclays Global Dinâmico foi incorporado no “Barclays Multimanager Portfolio 4, Classe Z (subfundo da Sicav Barclays Portfolios)”; e o Barclays Obrigações Taxa Variável Euro foi incorporado no “Barclays Bond Euro Short Term, Classe A. (SICAV Barclays Funds).

Houve, também um produto que alterou a sua denominação. O fundo da BBVA Gest, “BBVA Multiactivo Flexível – Fundo de Investimento Alternativo Aberto Flexível”, mudou o seu nome para “BBVA Multiactivo Flexível – Fundo de Investimento Aberto Flexível”.

Uma dúzia de liquidações

Foi um mês especialmente ativo no que toca às liquidações. Da BPI Gestão de Activos foram liquidados os fundos BPI Obrigações Portuguesas II e o BPI Obrigações Portuguesas III. Da Caixagest foi liquidado o Caixagest Rendimento Corporate II 2014 e da Popular Gestão de Activos foi o Popular Economias Emergentes II.

A Patris Gestão de Activos foi das mais ativas neste aspecto com a extinção de quatro produtos: Patris Acções Global, Patris Conservador, Patris Optimização e ainda o Patris Taxa Fixa Euro. Também a Santander Asset Management liquidou quatro produtos: Santander Gestão Premium Conservador, Santander Gestão Premium Liquidez, Santander Gestão Premium Moderado e ainda o Santander Gestão Premium Valor Acções.

Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos