Tags: Emergentes | Latam |

Seis entidades gestoras brasileiras com mais de 100.000 milhões de reais sob gestão


As seis entidades correspondem a 66,6% do património líquido total gerido por 439 entidades ( 2.162,3 milhões de reais) presentes no mercado brasileiro, segundo o 'ranking' de gestão de fundos de investimento da ANBIMA. As entidades são a gestora do Banco do Brasil (446,9 mil milhões de reais), o Itaú Unibanco (323,2 mil milhões de reais), o Bradesco (286,1 mil milhões de reais), a Caixa Económica Federal (154,1 mil milhões de reais), o Banco Santander Brasil (116,2 mil milhões de reais) e o BTG Pactual (114,5 mil milhões de reais).

O tipo de investidor com maior peso, em cada uma destas seis entidades, é, na maioria, entidades públicas e associadas a regimes complementares de previdência. Neste sentido, na gestora do Banco do Brasil, o investidor com maior volume sob gestão (83,2 mil milhões de reais) são as entidades fechadas de previdência complementar (EFPC). No Itau Unibanco, o segmento 'corporate' já assume maior importância com um montante sob gestão de 40,7 mil milhões de reais. No Bradesco e no Banco Santander Brasil, o tipo de investidor que lidera na distribuição de património líquido são as entidades abertas de previdência complementar (EAPC) com 96,8 mil milhões de reais e 32,3 mil milhões de reais, respectivamente. Na Caixa Económica Federal, o poder público é o investidor com maior volume sob gestão em fundos de investimento (31,3 mil milhões de reais). O BTG Pactual apresenta-se como uma excepção, sendo a única das seis entidades, que tem como principal investidor a banca privada, com 14,6 mil milhões de reais.

Tendo em conta que o tipo de investidor que apresenta maior peso na distribuição do património líquido por entidade gestora são entidades públicas, nomeadamente, as que complementam o regime geral de previdência, o tipo de fundo que detém maior volume sob gestão é o da categoria de rendimento fixo (obrigações). Esta liderança deste tipo de fundos verifica-se em cinco das seis entidades apresentando, consituindo o BTG Pactual uma excepção, pois a categoria de fundos com maior património é a multimercados.

Próximos eventos