Tags: Consultoria |

Santander Asset Management foi quem mais cresceu em outubro


A 31 de outubro o volume gerido pelas entidades gestoras de patrimónios ascendia a 56.947 milhões de euros, segundo o último relatório publicado pela Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios (APFIPP). De acordo com a Associação, o valor do final de outubro representa uma queda residual de 0,2% face ao mês anterior. Já em 2014 o crescimento situa-se em 4,4% o que corresponde a cerca de 2,5 mil milhões de euros. Quando comparado com o mesmo período do ano passado, o crescimento é de 6%.

O grande destaque do mês vai para a Santander Asset Management. A entidade fechou o mês com um crescimento de 18,52% que corresponde a cerca de 792 milhões, levando a gestora a terminar o mês de outubro pouca acima dos 5 mil milhões de euros em volume de ativos sob gestão.

A Caixagest continua a ser a entidade com maior volume sob gestão com mais de 21.134 milhões de euros, seguido da F&C Portugal com 13.768 milhões de euros. A ESAF continua a ser a terceira entidade com maior volume sob gestão, embora tenha a BPI Gestão de Activos mais perto. A primeira perdeu cerca de mil milhões de euros enquanto a segunda cresceu em 200 milhões. No final de outubro o “fosso” entre as duas entidades era de 600 milhões de euros.

As gestoras de património em outubro

GestoraOutubro de 2014, em milhõesQuota de mercado
Caixagest 21 134,10 €37,11%
F&C Portugal 13 768,10 €24,18%
ESAF 7 051,20 €12,38%
BPI Gestão de Activos 6 400,40 €11,24%
Santander Asset Management 5 072,60 €8,91%
Crédito Agrícola Gest 1 920,60 €3,37%
Montepio Gestão de Activos 1 328,60 €2,33%
Patris Gestão de Activos 202,00 €0,35%
Dunas Capital 27,10 €0,05%
Orey Financial 21,50 €0,04%
MNF Gestão de Activos 21,00 €0,04%
Fonte: APFIPP a 31 de outubro
Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos