Tags: Negócio |

Recursos fora do balanço no Montepio perto dos mil milhões de euros


Depois de no ano passado ter apresentado prejuízos nos primeiros nove meses do ano, o Montepio Geral consegue recuperar e apresentar um resultado líquido positivo da ordem dos 22,65 milhões de euros, segundo a comunicação enviada à CMVM.

Também a margem financeira melhorou ao “atingir 255,1 milhões de euros, mais 109 milhões em termos homólogos”, segundo se pode ler no comunicado.

As comissões líquidas atingiram quase 78 milhões de euros, tendo ficado um pouco abaixo dos montantes do período homólogo, em cerca de 6%. Este valor, conjugado com os resultados de operações financeiras, ajudaram o Produto Bancário a crescer para os 435 milhões de euros.

Recursos fora do balanço perto de mil milhões

Os recursos de clientes fora do balanço fecharam o período com 998 milhões de euros.  Face ao ano passado houve uma redução em cerca de 2,8%. Já em relação ao final do ano passado a redução é de cerca de 1%.

Reforço de liquidez

O crescimento dos recursos de balanço ajudaram a um reforço de liquidez. Segundo o comunicado da entidade houve um “reforço da posição de liquidez, através de um crescimento homólogo de 1,4% dos recursos de balanço provenientes do retalho para 16.073,3 milhões. Os depósitos de clientes registaram um incremento ainda maior, atingindo 13.969,3 milhões. Os recursos totais de clientes, incluindo recursos fora de balanço, cifraram-se em 17.072,2 milhões, evidenciando um incremento homólogo de 1,1%”.

Próximos eventos