Tags: Negócio |

Quem mais investe em fundos nacionais e estrangeiros


Um dado é certo: As gestoras nacionais investem mais em unidades de participação internacionais do que nacionais. A razão é fácil de explicar, já que o investimento nacional será apenas em fundos próprios, diminuindo de forma clara o seu investimento. No final do ano passado as 16 gestoras presentes no relatório da APFIPP tinham em carteira mais de 461 milhões de euros em unidades de participação de fundos de investimento nacionais. Já o valor nos fundos internacionais ascendia a 1.339 milhões de euros.

Quem mais investe nos nacionais

Em termos de unidades de participação em fundos nacionais, a liderança vai para a Patris Gestão de Activos com quase 145 milhões de euros. segundo a CMVM é o fundo Diversificação – FEI que apresenta o maior valor em unidades de participação nacionais.

Com mais de 100 milhões de euros investidos em fundos nacionais aparecem mais duas casas de investimento: Millennium Gestão de Activos e Caixagest, 112 milhões e 104 milhões de euros, respetivamente.

Caixagest lidera nos internacionais

A Caixagest segue na liderança com 36% de todo o valor do mercado que investe em fundos internacionais, ou seja, quase 480 milhões de euros. Em segundo lugar vem a Millennium Gestão de Activos com 257 milhões de euros. Acima de 100 milhões ainda existem duas casas de investimento: ESAF e a BPI Gestão de Activos, com 189 e 154 milhões de euros, respetivamente.

Veja o Ranking das cinco maiores gestoras que investem em cada categoria

 

(Análise Funds People com base em dados publicados pela APFIPP)
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos