Tags: Negócio |

Quais os fundos flexíveis que mais captaram em agosto?


Ao oitavo mês do ano, as captações líquidas no mercado nacional de fundos de investimento voltaram a ter saldo positivo, algo que não acontecia desde do mês de abril. Em agosto, o valor do saldo entre subscrições e resgates foi superior a 51 milhões de euros, segundo os dados publicados pela Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios - APFIPP.

No mês passado, o fundo que registou maior montante em entradas líquidas de dinheiro foi o BPI Moderado. Este produto é gerido pela BPI Gestão de Activos e a Associação caracteriza-o como fundo flexível, e no mês de agosto registou um saldo de 38,7 milhões de euros. Nesta categoria, o volume em captações líquidas em agosto foi de quase 38,5 milhões de euros.

Além do fundo que liderou o mercado nacional no mês passado, houve apenas mais um deste segmento que registou mais de um milhão de euros em captações líquidas. Trata-se do BPI Dinâmico que amealhou quase 3 milhões de euros entre subscrições e resgates.

Estes dois produtos flexíveis nasceram recentemente, juntamente com o BPI Agressivo. Segundo explica Eduardo Monteiro, Head of Discretionary Portfolio of high net worth individuals (HNWI) da BPI Gestão de Activos, numa entrevista dada recentemente à Funds People: “a vantagem primordial destes fundos reside precisamente na gestão flexível”, assinala, referindo que “em momentos em que o mercado sofra correções é possível alterar a estratégia do fundo e com isso tentar minimizar os impactos negativos que poderiam ocorrer”.

Banif Gestão de Activos em peso

Das mais de duas dezenas de produtos flexíveis disponíveis no mercado nacional, apenas uma dúzia registou mais subscrições do que resgates no mês passado. Com um saldo de quase 500 mil euros figura o NB Plano Dinâmico que está sob responsabilidade da GNB Gestão de Ativos.

Além dos três produtos já referidos, existem ainda mais nove com saldo positivo, sendo que desses quatro são geridos pela Banif Gestão de Activos. Dois deles superam os 400 mil euros: o Banif Investimento Conservador e o Banif Investimento Moderado. Os dois restantes apresentam valores mais modestos: o Banif Investimento Defensivo com 229 mil e o Banif Ibéria com 119 mil euros em captações líquidas.

Ainda entre os fundos flexíveis que mais captaram encontram-se da Optimize Investiment Partners dois produtos: o Optimize Investimento Activo e o Optimize Europa Valor com entradas líquidas de 53 e 28 mil euros, respetivamente. Da GNB Gestão de Ativos ainda surge o NB Plano Prudente com 377 mil euros enquanto da BPI Gestão de Activos figura o BPI Global com 229 mil euros e ainda o BPI Agressivo com 90 mil euros.

Os fundos flexíveis com captações líquidas positivas

FundoGestoraCaptações líquidas
BPI ModeradoBPI Gestão de Activos38 782 500 €
BPI DinâmicoBPI Gestão de Activos2 930 500 €
NB Plano DinâmicoGNB Gestão de Ativos495 200 €
Banif Investimento ConservadorBanif Gestão de Activos461 600 €
Banif Investimento ModeradoBanif Gestão de Activos459 900 €
NB Plano PrudenteGNB Gestão de Ativos377 400 €
Banif Investimento DefensivoBanif Gestão de Activos229 000 €
BPI GlobalBPI Gestão de Activos229 000 €
Banif IbériaBanif Gestão de Activos119 500 €
BPI AgressivoBPI Gestão de Activos90 400 €
Optimize Investimento ActivoOptimize Investment Partners53 900 €
Optimize Europa ValorOptimize Investment Partners28 800 €
Fonte: APFIPP no final de agosto.
Profissionais
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos