Tags: Obrigações | Ações |

PSI 20 sobe 2,5% com PT e EDP a subir mais de 3%


 

Entre as congéneres da bolsa portuguesa, as valorizações oscilaram entre 0,74% de Londres e 1,47% de Madrid, influenciadas pela descida dos novos pedidos de subsídio de desemprego nos Estados Unidos para o mínimo em quase dois meses, no dia em que começou a reunião de dois dias do Conselho Europeu.

Na NYSE Euronext Lisbon, o PSI 20 subiu 2,55% para 6.221,32 pontos, com 18 títulos positivos, um inalterado, o Banif, que fechou a cotar a 0,132 euros, e um negativo, o ESFG, que desceu 1,5% para 5,18 euros.

O restante do sector financeiro, e do índice, terminou com ganhos; o BPI progrediu 1,21% para 1,173 euros, o BES somou 1,76% para 0,983 euros e o BCP avançou 1,83% para 0,111 euros.

Entre as energéticas, EDP e EDP Renováveis encerraram em alta de 3,39% e 2,36%, respectivamente, para 2,44 euros e 4,04 euros, tendo a Galp Energia subido 1,21% para 12,14 euros e a REN progredido 2,02% para 2,272 euros.

Na área de tecnologia e telecomunicações, a Portugal Telecom valorizou 3,82% para 4,161 euros, a Sonaecom fechou a somar 5,7% (a subida mais acentuada do dia) para 1,668 euros e a Zon Multimédia a subir 4,32% para 3,527 euros.

Já a Jerónimo Martins terminou o dia com um ganho de 1,87% para 15,785 euros.

O Mais Lido

Próximos eventos