Tags: Obrigações | Ações |

PSI 20 inicia semana a cair


O índice português voltou a terreno negativo neste início de semana, caindo 0,4% para os 5.953,900 pontos. Nas restantes congéneres europeias, apenas Frankfurt ficou no verde valorizando 0,01%. Madrid caiu 0,26% e Paris desvalorizou 0,22%.

Ricardo Almeida, da Patris Gestão de Activos, refere que os “mercados europeus na expectativa de indicações mais concretas sobre a provável operação militar na Síria fecham sessão com quedas ligeiras (excepção para a bolsa italiana, com o índice de referência a subir 1,16%). Dívida soberana portuguesa em contra-ciclo, com a taxa de juro em mercado secundário a cair cerca de 10 pontos base. No PSI20, destaque para a subida do BES (+1,75%) e para a queda da Jerónimo Martins (-1,47%)”.

Na NYSE Euronext Lisboa foram 11 as empresas cotadas em queda,  5 no verde, e 4 a manterem os mesmos resultados da sessão anterior.

Na banca o BES conseguiu a maior valorização do dia, subindo 1,75% para os 0,815 euros. As restantes empresas do sector mantiveram os mesmos resultados da última sessão.

Na energia apenas a EDP renováveis conseguiu segurar-se no verde, crescendo 0,13% para os 3,881 euros. A EDP, por seu lado, fechou a cair 0,92%, enquanto a Galp caiu 1,01% para os 13,215 euros. Com uma queda menos acentuado a REN fixou-se nos 2,186 euros, tendo caido 0,46%.

Nas telecomunicações, o final de sessão também não foi positivo, já que apenas a Zon Multimédia encerrou a crescer 0,80% para os 4,270 euros. A Sonaecom caiu 0,68%, enquanto a PT desvalorizou 0,10%.

As quedas mais acentuadas desta sessão de dia 9 de Setembro, foram protagonizadas pela Jerónimo Martins que caiu 1,47% para os 15,045 euros, e pela Mota Engil, que desvalorizou 1,48% para os 2,790 euros.

Profissionais
Empresas

Próximos eventos