Tags: Negócio |

Pioneer Investments: “Temos um track record longo e sólido que apoia a nossa liderança”


Distinguida como a melhor sociedade gestora estrangeira de obrigações nos prémios Morningstar, a Pioneer Investments contou à Funds People Portugal como têm adaptado a sua filosofia de investimento às diferentes conjunturas do mercado. 

- Qual creem ser a chave de êxito daquela que é a melhor gestora estrangeira de obrigações em Portugal?

A Pioneer Investments tem uma história a que poucas gestoras se podem equiparar. Durante mais de 85 anos, a nossa experiência permitiu-nos adaptarmo-nos às mudanças que o mundo financeiro tem vivido, e ajudou-nos também a “navegar” com confiança nos períodos complicados da história financeira. Ao longo destes anos temos desenvolvido o nosso processo de investimento de forma a que possamos responder com efetividade às oportunidades e aos desafios das distintas fases do ciclo económico, enquanto nos mantemos fiéis à nossa filosofia de investimento. Esta filosofia de investimento baseia-se na busca de valor, na tomada de risco ativa e na gestão desse mesmo risco. Estes são os três pilares do nosso processo de investimento e do nosso êxito como gestora de obrigações, e de um modo geral, como gestora global. 

- A categoria de obrigações é uma categoria com a qual se identificam e na qual se classificam como especialistas?

Ao longo dos anos a Pioneer Investments conseguiu estabelecer-se como líder global na gestão de ativos de obrigações, USA e Global. Temos um track record longo e sólido que apoia esta liderança, com uma equipa altamente experiente e com dados de rentabilidade consistentes. Para além de experiente, a nossa equipa de obrigações é composta por um grande número de profissionais com carreira, totalmente dedicados às nossas carteiras de obrigações: 60 gestores de carteiras, 24 analistas de crédito, 14 especialistas em construção de carteiras e em análise da gestão do risco, e ainda 38 analistas. 

Outro exemplo da importância que este tipo de ativos tem para nós, é que a 31 de março de 2014, 60% dos nossos ativos sobre gestão a nível global estavam em carteiras deste tipo de ativo. Também importa destacar que 76% dos nossos fundos de obrigações se encontram entre o 1.º e o 2.º quartil, a 5 anos.

- Que produtos considera terem sido mais bem sucedidos nos últimos cinco anos, tendo permitido a obtenção deste prémio no mercado português?

Pioneer Funds – Euro Aggregate Bond (fundo de obrigações que investe num amplo universo de valores de grau de investimento denominados em euros, incluindo obrigações governamentais e corporativas).

Pioneer Funds – Euro Corporate Short Term (fundo de obrigações que investe em obrigações de empresas europeias de grau de investimento a curto prazo; pode investir também em obrigações governamentais, divisas, high yield e obrigações de mercados emergentes). 

Pioneer Funds – Strategic Income (fundo de obrigações flexível global. Investe numa carteira multissectorial de obrigações, que investe em todo o espectro de obrigações). 

Pioneer Funds  - Emerging Markets Bond (fundo de obrigações emergentes flexíveis).

Profissionais
Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos