Tags: Consultoria |

Particulares: o segmento de clientes que mais cresceu em maio na gestão de patrimónios


No quinto mês do ano as gestoras de patrimónios tinham mais de 56.533 milhões de euros em ativos sob gestão, um valor mais baixo do que o existente no final do mês anterior, onde se registavam 56.721 milhões de euros de montante gerido, de acordo com os dados revelados pela Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios (APFIPP) através do seu relatório mensal sobre este segmento de negócio.

No documento pode ainda analisar-se a evolução dos portfólios geridos pelas sociedades gestoras de patrimónios, por tipo de cliente. Por exemplo, no mês de maio, o valor dos ativos em posse dos investidores residentes compunha 99,5% do total, contrastando com os 99,6% do final do mês anterior.

O mercado caiu cerca de 0,3% de abril para maio e dos seis segmentos em que a Associação divide os clientes da gestão de patrimónios, apenas um conseguiu registar uma tendência diferente da de queda: os particulares. Este tipo de clientes registou um crescimento de quase 4%, passando de 915 para 951 milhões de euros. No entanto continua a ser o segundo cliente de menor dimensão, com 1,7% do total, ficando apenas à frente das Fundações, que têm 0,1% do valor total gerido pelas gestoras de patrimónios.

Seguradoras consolidam liderança

As seguradoras continuam a ser o cliente com maior quota do segmento, tendo no final de maio mais de 36.046 milhões de euros. Apesar da queda de 0,2%, em termos de representação no segmento existiu um incremento, passando de de 63,7% para 63,8%.

Já os fundos de pensões são o segundo maior cliente com uma fatia de 19,5%, respeitante a 11.024 milhões de euros, enquanto os Fundos de Investimento registaram a maior descida de abril para maio. No final de maio os fundos de investimento atingiram os 1.243 milhões de euros, o que representa uma quota de 2,2%.

Divisão do mercado

Fonte: APFIPP no final de maio

Outras notícias relacionadas


Anterior 1
Anterior 1

Próximos eventos