Os “Nº 1” das maiores gestoras portuguesas


A maior gestora portuguesa, ESAF, com cerca de 3,4 mil milhões de euros sob gestão, apresenta como melhor fundo, na globalidade da oferta, o ES PPA. O fundo de poupança acções não é, apesar dos 43,60% de rendimento, líder na sua categoria. Entre os fundos poupança acções, o melhor fundo é o PPA Acções Futuro com 44,15% de rendibilidade a 12 meses, segundo dados da APFIPP. Sublinha-se que noutras categorias de fundos a ESAF faz coincidir o seu melhor fundo com o mais rentável da categoria. Isto acontece, por exemplo, entre os fundos de obrigações taxa fixa euro em que o ES Obrigações Europa lidera com 25,72% de rendibilidade.

O fundo especial de investimento, Caixagest Rendimento Oriente, fica na frente dos outros fundos abertos com protecção de capital com 47,51% de rendibilidade nos últimos 12 meses, segundo dados da APFIPP de 26 de Julho. Na Caixagest o seu fundo mais rentável coincide também com o fundo que teve maior rendibilidade nos últimos 12 meses da categoria a que pertence. Assim, o Caixagest Rendimento Oriente é o mais rentável da categoria de Fundos Abertos com Protecção de Capital e o fundo com retorno mais elevado da Caixagest.

No BPI Gestão de Activos, o fundo mais rentável da gestora não corresponde ao fundo mais rentável da sua categoria, ou seja dos fundos poupanças acções. O BPI PPA, apesar de ter uma rendibilidade nos últimos 12 meses de 36,02%, fica atrás de dois fundos geridos pela ESAF, um do Millennium Gestão de Activos e outro da Gestora Futuro. Este fundo de poupança acções é o mais rentável da gestora, seguido do BPI Acções Portugal, um fundo que tem vindo a ser consecutivamente premiado como melhor fundo da sua categoria, pela consistência de resultados nos últimos cinco anos.  

Na quarta gestora com maior património, o Santander Asset Management, o melhor fundo também não corresponde ao melhor da sua categoria. O fundo estrela da entidade em rendibilidade é o fundo de poupança acções Santander PPA com 43,12% a últimos doze meses. A coincidir com o vencedor da categoria está o Santander Acções Portugal que apresenta um retorno de 41,27%.

Por último o líder da Millennium Gestão de Activos, quinta maior gestora portuguesa em activos sob gestão, é o fundo de acções do sector financeiro, Millennium Euro Financeiras com 37,59%. Este fundo só é superado pelo homólogo da Montepio Gestão de Activos, o Montepio Euro Financial Services que tem um retorno a doze meses de 43,23%.

Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos