Tags: Obrigações |

Os melhores fundos fixed income do mês de julho


Depois de termos verificado que os fundos de ações voltaram a dominar o top dez dos produtos mais rentáveis, importa agora olhar para o panorama do mês de julho no que diz respeito aos fundos da categoria fixed income.

Nos três primeiros lugares estão três fundos cujo universo de investimento é bastante distinto. Apesar disso, a Europa parece ser o tema mais relevante do mês de julho, com um fundo de obrigações europeias a ocupar o primeiro lugar da sua categoria.

Trata-se do Popular Euro Obrigações, um fundo que registou ganhos de 0,91% no mês em questão. Segundo os dados mais recentes da Morningstar, a carteira do fundo é composta tanto por obrigações corporativas como soberanas, ainda que as três maiores posições sejam ocupadas por títulos de empresas portuguesas, espanholas e inglesas. No que diz respeito à distribuição sectorial, o sector industrial é o sector com maior representatividade, seguido do sector financeiro.

O segundo lugar pertence ao fundo de obrigações globais de curto prazo da responsabilidade da Caixagest, cuja rentabilidade no mês em questão foi de 0,73%. O Caixagest Oportunidades apresenta uma carteira bastante diversificada, sendo que as suas três maiores posições, segundo os dados mais recentes da Mornigstar, são títulos de empresas portuguesas (Ren e Galp Energia) e da República Portuguesa.

O último lugar no pódio pertence ao BPI Alto Rendimento Alto Risco, que obteve uma rentabilidade de 0,71%. O produto gerido pela BPI Gestão de Activos investe, segundo a entidade, “em títulos de dívida ou equiparados em mercados da União Europeia, América do Norte, América Latina, Japão e Europa de Leste, cujo risco de crédito dos emitentes dos títulos em carteira é, essencialmente, rating B”. Segundo os dados mais recentes disponibilizados pela gestora, a carteira é composta maioritariamente por obrigações de taxa fixa, embora apresente uma pequena percentagem de obrigações taxa indexada (6,6%). Relativamente à exposição geográfica, a França e a Holanda surgem como os países com maior preponderância (15,2% e 12,6%, respetivamente).

Os dez melhores fundos da categoria Fixed Income em julho

Captura_de_ecra__2017-08-8__a_s_15

Fonte: Morninstar, 31 de julho de 2017

Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos