Tags: Pensões |

Os melhores fundos de pensões do segundo semestre de 2013


Os dados compilados pela Morninstar mostram que o segundo semestre do ano passado deu aos subscritores de fundos de pensões uma rendibilidade média de 4,78%, num total de 57 produtos. A mediana situou-se em 3,792% com o desvio-padrão da rendibilidade a fixar-se em 4,41%.

O melhor fundo de pensões do segundo semestre pertenceu à Futuro, através do fundo Futuro Acção PPA que teve uma rendibilidade de 23,82%. Com cerca de 90% da sua carteira em títulos mobiliários nacionais, as maiores posições pertencem a empresas como a Jerónimo Martins ou a Portugal Telecom.

O segundo lugar vai para o ESAF PPA, da ESAF, que é gerido por Teresa Fernandes. O fundo conseguiu dar aos seus subscritores ganhos de 23,29% no segundo semestre do ano passado, com os CTT e a Galp Energia a dominarem as posições.

O pódio é completo com outro fundo da ESAF, no caso o ES Multireforma Acções, que é gerido por Pedro Barata. Em termos de ganhos, este fundo conseguiu uma valorização de 15,52%.

Destaque, também, para o BBVA Acções PPR e para o Banif Optimize Capital Pensões Acções que conseguiram uma rendibilidade de 8,79% e 8,01%, respetivamente.

Os dez melhores fundos de pensões do segundo semestre do ano passado

(Análise Funds People a partir de dados cedidos pela Morningstar).
Profissionais
Empresas

Outras notícias relacionadas


Anterior 1
Anterior 1

Próximos eventos