Os melhores do ano da Cabra


Depois de termos analisado os melhores fundos do ano passado, que seguem o calendário gregoriano, é hora de vermos quais foram os melhores fundos do ano chinês que terminou no início da semana. Entre o dia 19 de fevereiro do ano passado e o passado dia 7 viveu-se o ano da Cabra. O ano da Cabra, de acordo com as tradições milenares chinesas, seria um ano sereno, com muita paz e harmonia. No entanto, nos mercados financeiros, foi um ano bastante agitado.

Nesse período, o fundo mais rentável do mercado nacional de fundos de investimento foi o Caixagest Rendimento Nacional. Gerido pela Caixagest, trata-se de um “fundo especial de investimento (FEI) aberto, com uma rendibilidade potencialmente elevada e distribuição periódica de rendimentos”, de acordo com o prospeto do produto. No mesmo documento pode-se ler, ainda, que “O património inicial do fundo de investimento é constituído em 99,80% por obrigações de dívida subordinada Lower Tier 21, emitidas pela CGD ao abrigo do programa European Medium Term Notes (EMTN) com maturidade coincidente com a data de liquidação do fundo e com rendimentos ajustados aos objectivos do Fundo”. No período em questão a sua rendibilidade foi de 1,61% de acordo com os dados disponibilizados pela Morningstar, através da sua plataforma online.

Com uma rendibilidade de 1,48% surge, logo depois, o fundo Montepio Euro Utilities. Gerido pela Montepio Gestão de Activos o fundo investe no sector europeu das utilities, com os maiores investimentos, no final de 2015, a serem realizados na National Grid, da ENEL e ainda na Iberdrola. O terceiro produto mais rentável é o Caixagest Rendimento Oriente da Caixagest que registou, durante o ano da Cabra, uma rendibilidade de 1,38%.

Trio acima de 1%

Além do trio de produtos já referido, existem mais três que registaram ganhos superiores a 1% durante o período em questão. Com 1,17% vem o Caixagest Acções Japão, que foi o melhor produto de 2015. No final de janeiro o seu património ascendia a 18,8 milhões de euros com o maior investimento em carteira a ir para a cotada Mitsubishi UFJ Financial Group Inc, seguido da Yamaha e da Meiji Holdings.

O Santander Multitaxa Fixa e o Caixagest Obrigações Longo Prazo foram os restantes produtos que superaram a barreira de 1% de ganhos no ano da Cabra. O primeiro é da responsabilidade da Santander Asset Management e atingiu uma valorização de 1,16% enquanto o segundo, da Caixagest, teve uma rendibilidade de 1,11%.

Os 15 fundos mais rentáveis no ano da cabra

Fonte: Morningstar entre 19 de fevereiro de 2015 e 7 de fevereiro de 216
Upload
Empresas

Próximos eventos