Tags: Negócio |

Os fundos de obrigações que mais dinheiro arrecadaram em maio


Ao fim do quinto mês do ano, os resgates sobrepuseram-se à subscrições. De acordo com os dados publicados pela Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios (APFIPP), as captações líquidas em maio foram negativas na ordem dos 60 milhões de euros. Ainda assim, em 2015 o saldo é francamente positivo, com entradas na ordem dos 215 milhões de euros.

Analisando os fundos que fazem parte das categorias de “fundos de obrigações euro”, “fundos de obrigações taxa indexada euro” e ainda “fundos de obrigações internacionais” da APFIPP, apenas meia dúzia registou mais subscrições do que resgates. Nesta lista o fundo que se destaca é o Caixagest Obrigações. Este produto é gerido pela Caixagest e atingiu captações líquidas superiores a 6,5 milhões de euros. No mês de abril, o Caixagest Obrigações tinha sido o segundo fundo de obrigações com maior volume de captações líquidas. Nos primeiros cinco meses do ano este fundo acumula captações líquidas de 46 milhões de euros.

Com mais de 2,8 milhões de euros de saldo entre subscrições e resgates surge o BPI Obrigações Mundiais. O fundo é gerido pela BPI Gestão de Activos e em 2015 regista um fluxo positivo de mais de 9 milhões de euros. De realçar que este fundo foi dos mais rentáveis nos últimos seis meses, dentro desta classe de ativos.

O terceiro fundo mais rentável é também o último produto de obrigações que consegue ter um saldo positivo superior a um milhão de euros. Gerido pela Caixagest, o Caixagest Obrigações Mais fechou o mês de maio com um volume de captações líquidas de 1,7 milhões de euros.

Três com saldo positivo mais reduzido

Existe mais um trio de produtos que apresenta saldo positivo em maio, embora com valores abaixo de um milhão de euros. Os três produtos são geridos por outras tantas casas de investimento, com o Santander Multi Taxa Fixa, da Santander Asset Management a registar captações líquidas de quase 270 mil euros. Com 118 mil euros em captações líquidas surge o Optimize Europa Obrigações que está sob responsabilidade da Optimize Investment Partners. O último fundo com saldo positivo é o Millennium Global Bond Selection, da Millennium Gestão de Activos.

Captações líquidas nos fundos de obrigações em maio

FundoGestoraCategoria APFIPPMaio
Caixagest ObrigaçõesCaixagestObrigações Taxa Indexada6 572 000 €
BPI Obrigações MundiaisBPI Gestão de ActivosObrigações Internacional2 870 400 €
Caixagest Obrigações MaisCaixagestObrigações Euro1 764 500 €
Santander Multi Taxa FixaSantander Asset ManagementObrigações Euro269 500 €
Optimize Europa ObrigaçõesOptimize Investment PartnersObrigações Internacional118 600 €
Millennium Global Bond SelectionMillennium Gestão de ActivosObrigações Euro76 500 €
Fonte: APFIPP no final de maio. Categoria APFIPP analisadas: fundos de obrigações euro, fundos de obrigações taxa indexada euro e ainda fundos de obrigações internacionais.
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos