Os fundos de obrigações que mais captaram em janeiro


No primeiro mês de 2015 os fundos de obrigações conseguiram um resultado positivo no que toca a captações líquidas, segundo o relatório publicado pela APFIPP. Em relação ao mês anterior, houve a alteração de algumas denominações em termos de categorias, nomeadamente a extinção da categoria de ‘fundos de obrigações taxa fixa euro’, o que tornou o segmento de ‘obrigações euro’ mais abrangente, face o que acontecia anteriormente. Desta forma, passaram a existir apenas três categorias de obrigações: Obrigações Euro, Obrigações Internacional e Obrigações Taxa Indexada.

Em janeiro, este trio de categorias atingiu um saldo entre subscrições e resgates de 30,6 milhões de euros. Já o mercado nacional teve um saldo negativo de captações líquidas de 28,6 milhões de euros.

Entre as três categorias, foram os ‘fundos de obrigações de taxa indexada euro’ que atingiram o maior volume de subscrições com mais de 20 milhões de euros, tendo as ‘obrigações euro’ ultrapassado os 10,5 milhões de euros.

E quais os fundos que mais captaram?

A lista é liderada por dois fundos de taxa indexada: o CA Rendimento e o Caixagest Obrigações. O primeiro, gerido pela CA Gest, teve um saldo em janeiro de 20,5 milhões de euros. Já o fundo da Caixagest ultrapassou os 12 milhões de euros no balanço entre subscrições e resgates.

Os fundos de ‘obrigações euro’ dominam a restantes lista com a presença de diversos produtos. O terceiro lugar do ranking é ocupado pelo BPI Euro Taxa Fixa, da BPI Gestão de Activos com 7,5 milhões de euros, seguindo-se o Caixagest Obrigações Longo Prazo com quase 4 milhões de euros. Entre os 2 e os 3 milhões de euros figuram dois produtos: o Santander Multi Taxa Fixa da Santander Asset Management e ainda o Millennium High Yield Bond Selection da Millennium Gestão de Activos.

O Montepio Taxa Fixa da Montepio Gestão de Activos, o BBVA Obrigações da BBVA Asset Management, o Banif Euro Corporates da Banif Gestão de Activos e o Millennium Global Bond Selection fecham o lote dos fundos ‘obrigações euro’ com saldo positivo no primeiro mês do ano.

A completar este rol de produtos, está o BPI Obrigações Mundiais, representante dos fundos ‘obrigações internacional’  na lista dos fundos com saldo positivo entre subscrições e resgates no primeiro mês de 2015.

Os fundos de obrigações com captações positivas em janeiro

FundoCategoriaGestoraCaptações líquidas
CA RendimentoObrigações Taxa IndexadaCA Gest20 574 500,00 €
Caixagest ObrigaçõesObrigações Taxa IndexadaCaixagest12 282 500,00 €
BPI Euro Taxa FixaObrigações EuroBPI GA7 509 100,00 €
Caixagest Obrigações Longo PrazoObrigações EuroCaixagest3 936 500,00 €
Santander Multi Taxa FixaObrigações EuroSantander AM2 842 500,00 €
Millennium High Yield Bond SelectionObrigações EuroMillennium GA2 619 900,00 €
BBVA ObrigaçõesObrigações EuroBBVA AM175 500,00 €
Montepio Taxa FixaObrigações EuroMontepio GA129 300,00 €
Banif Euro CorporatesObrigações EuroBanif GA58 100,00 €
BPI Obrigações MundiaisObrigações InternacionalBPI GA45 000,00 €
Millennium Global Bond SelectionObrigações EuroMillennium GA11 200,00 €
Fonte: APFIPP a 31 de janeiro
Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos