Os fundos de ações favoritos dos investidores no oitavo mês do ano


Depois de um primeiro semestre em que as captações líquidas nos fundos de investimento nacionais apresentaram resultados quase históricos, o segundo semestre com a crise do grupo BES empurrou o mercado novamente para baixo, com os fundos de ações a não serem a exceção. O mercado, em agosto, teve captações líquidas negativas de mais de 400 milhões de euros, enquanto os fundos de ações registaram um resultado negativo de 26 milhões de euros.

Ainda assim, houve seis produtos que se destacaram no mês com as subscrições a ultrapassarem em larga escala os resgates.

BPI Gestão de Activos na linha da frente

Nos seis fundos de ações mais subscritos, aparecem três da BPI Gestão de Activos, com o BPI Europa a ser o produto com o saldo mais positivo, com mais de 1,350 milhões de euros, seguido do BPI Portugal com 831 mil euros. O terceiro produto mais subscrito foi o Santander Acções América com um saldo entre subscrições e resgates na ordem dos 428 mil euros. Com alguma representação ainda surgem os fundos Caixagest Acções Líderes Globais, BPI Ásia Pacífico e ainda o Montepio Euro Utilities.

Fundo Gestora Subscrições *Resgates *Captações líquidas *
BPI Europa BPI GA  2 038,10 € 684,30 € 1 353,80 €
BPI Portugal BPI GA  2 941,30 € 2 109,80 € 831,50 €
Santander Acções América Santander AM  770,60 € 342,30 € 428,30 €
Caixagest Acções Líderes Globais Caixagest 598,90 € 221,50 € 377,40 €
BPI Ásia Pacífico BPI GA  490,70 € 115,30 € 375,40 €
Montepio Euro Utilities Montepio GA  437,50 € 299,50 € 138,00 €

Fonte: APFIPP a 31 de agosto

* em 10^3 euros

Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos