Os fundos da Candriam com selo Funds People


A Candriam apresenta-se em Portugal com oito produtos classificados com algum dos selos da Funds People. Um deles agrega as classificações de Consistente e Blockbuster Funds People. É o caso do Candriam Bonds Euro High Yield, gerido por Philippe Noyard, Patrick Zeenni e Jullien Nicolas. O produto investe principalmente em obrigações high yield emitidas em euros, excluindo aquelas emitidas por entidades financeiras. Utiliza um enfoque dinâmico e uma estratégia concentrada e muito diferenciada dos respetivos índices de referência. O fundo conta com um track record de 17 anos.

Os supervendas Ibéricos

Lançado em 2002, o primeiro fundo com o selo Blockbuster, é o Candriam Bonds Credit Opps, um fundo de retorno absoluto que aposta em crédito, especialmente high yield. Apresenta uma exposição líquida positiva (de pelo menos 50%). A gestão, assegurada pelo mesmo trio de especialistas que o Candriam Bonds Euro High Yield, implementa tanto estratégias direcionais como de valor relativo, assim como um sistema dinâmico de cobertura dos riscos que procura limitar as perdas em contextos adversos de mercado.

Por seu lado, o Candriam Bonds Euro Short Term investe em dívida a curto prazo em euros, soberanas ou corporativas. Gerido pelo equipa de Claire Mahieux, Philippe Dehoux e Hugo Verdiere, o produto soma já 14 anos de vida.

Por fim, temos o Candriam Bonds Total Return. Gerido por Alain Peters, Nicolas Forest e Laurent Dufrasne, é um fundo que procura uma rentabilidade absoluta dentro do seu período de investimento recomendado, mediante o investimento nos distintos segmentos de fixed income. Pode investir em ativos do mercado monetário, bem como fixed income emergente, crédito, convertíveis... A estratégia é muito flexível tanto na alocação de ativos como na gestão da duration e exposição às distintas divisas. Apresenta um track record de 13 anos.

Os mais consistentes

Investindo em obrigações de países emergentes, o Candriam Bonds Emerging Markets é o primeiro de uma lista de quatro fundos Consistentes da Candriam. Gerido por Diliana Deltcheva e respetiva equipa de fixed income emergente da Candriam, apresenta já um track record de 17 anos. Concentra os seus investimentos em obrigações de países emergentes denominadas em moeda externa, de cariz soberano ou quasi-soberano.

Entre os fundos com selo Consistente, há também dois fundos focados em países emergentes, mas que investem no mercado acionista. Falamos, por exemplo, do Candriam Equities L Sustainable Emerging Markets. É um fundo direcional, gerido por Jan Boudewijns e Mohamed Lamine Saidi, que investe nas empresas mais atrativas em termos fundamentais de países emergentes. Estas empresas têm de cumprir os estritos critérios de seleção ISR implementados pela Candriam, uma das empresas pioneiras nesta matéria.

Gerido pelo mesmo duo de especialistas, o outro produto é o Candriam Eqd L Emerging Markets. É o fundo com maior histórico da lista, celebrando este ano o seu 22º aniversário. Trata-se de um fundo direcional que investe em empresas com bons fundamentais domiciliadas nos países emergentes.

Por fim, mas também dentro da gama sustentável, também recebeu a classificação de Consistente o Candriam Equities L Sustainable World, um fundo que foi lançado em 2000. É um fundo direcional gerido por Bart Goosens, Erwin de Winter e Tanguy Cornet, que investe nas empresas que, a nível global, se apresentam como as mais atrativas de acordo com um metodologia quantitativa denominada de processo “Quant de Candriam”. Estas empresas têm que cumprir também os estritos critérios ISR da Candriam.

Profissionais
Empresas

Outras notícias relacionadas


O Mais Lido

Próximos eventos