Os fundos cinco estrelas do mês de fevereiro


Em Portugal existem mais de 9.600 fundos de investimento disponíveis para os investidores nacionais, sendo que desses apenas 574 atingiram o patamar cimeiro do rating quantitativo da Morningstar, no final do mês passado. Ainda assim, desses quase 600 fundos, apenas treze são disponibilizados por gestoras locais.

Dos produtos disponibilizados pelas entidades portuguesas, verificamos que nenhum deles tem como ‘classe core’ de investimento as ações. Na tabela encontramos fundos de oito entidades diferentes, com a GNB Gestão de Ativos a ser a única casa a colocar mais de um produto no ranking das cinco estrelas no final do mês de fevereiro. No total, esta entidade tem seis produtos com o rating máximo quantitativo atribuído pela Morningstar: o NB Obrigações Europa, o NB PPR, o NB Renda Mensal, o NB Tesouraria Ativa, o NB Rendimento e ainda o NB Rendimento Plus.

A lista é composta, também, por um fundos da Dunas Capital, da Banif Gestão de Activos, da CA Gest, da Caixagest, da Millennium Gestão de Activos, da Invest Gestão de Activos e ainda da Optimize Investment Partners.

No caso da Dunas Capital, o fundo cinco estrelas é o Dunas Banco BIC Tesouraria, enquanto da Banif Gestão de Activos podemos encontrar o Banif Euro Tesouraria. O CA Rendimento é o "representante" da CA Gest e o Caixagest Oportunidades ‘veste a camisola’ da Caixagest. Já da Millennium Gestão de Activos figura o Millennium Euro Taxa Variável.

Os fundos cinco estrelas da Invest Gestão de Activos e da Optimize Investment Partners são produtos PPR: no primeiro caso encontramos o Invest AR PPR, enquanto no segundo caso o produto cinco estrelas é o Optimize Cap Ref PPR Moderado.

Salienta-se que, tanto no mês de janeiro como no mês de fevereiro, os fundos cinco estrelas Morningstar foram exatamente os mesmo.

Os fundos cinco estrelas em fevereiro

Fonte: Morningstar no final de fevereiro
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos