Tags: Gestores |

Os 40 gestores com menos de 40 anos mais influentes na indústria de fundos


Quem são os jovens executivos mais influentes na indústria de fundos? O Financial News, publicação semanal focada na indústria dos fundos de investimento, selecionou entre150 potenciais talentos, os 40 com maior renome. Os candidatos foram avaliados segundo quatro critérios: conquistas obtidas até agora tendo em  conta a sua idade, a importância dos seus mentores, as ferramentas ao seu dispor e o seu potencial para alcançar uma posição de influência.

Um dos escolhidos pela prestigiada publicação para a lista  '40 under 40 Rising Stars in Asset Management', índice que contém os homens e as mulheres mais brilhantes da indústria europeia de fundos de investimento  abaixo dos 40 anos é Britta Weidenbach (38 anos), gestora do Deutsche Asset & Wealth Management, atualmente responsável pela equipa de ações europeias da instituição e à frente dos fundos DWS Invest Top Euroland y DWS Top Europe. Asoka Wöhrmann, co-diretor de investimentos do Deutsche Asset Investment & Wealth Management, considera-a "um membro importante da equipa, tendo um futuro brilhante pela frente".

Stephen Cohen (38), responsável da estratégia de investimento da iShares para EMEA, é outro dos gestores destacados pela Financial News. Numa recente apresentação em Madrid, Cohen afirmou ser um forte defensor de uma combinação de estratégias ativas com produtos indexados, algo que na sua opinião " hoje é uma realidade, e é também onde os ETFs atualmente estão a conseguir uma boa posição". Outro dos gestores da plataforma ETF da BlackRock destacados pela publicação é Leland Clemons (36), diretor de mercados de capitais para a região da Europa, Médio Oriente e África.

Schroders e Goldman Sachs AM são as únicas entidades que conseguem “colocar” dois dos seus gestores na lista de "estrelas em ascensão". Kevin Murphy e Nick Kirrage, ambos gestores de carteiras, são eleitos pelo lado da Schroders; Kathryn Koch e Jason Granet são os selecionados da GSAM. No ranking aparecem também Chris Bullock (35), gestor do Henderson Euro Corporate Bond, Ludovic Feuillet (GLG), Simon Haines (Threadneedle), Roger Mineiros (Allianz Global Investors), Carl Whitbeck (AXA Investment Managers), Merrik Styles (Amundi), Yassi Sohrabi (J.P. Morgan AM) ou Maxime Carmignac, diretora de gestão do escritório do Reino Unido do Carmignac Gestion. O Santander UK é a única entidade espanhola por trás da seleção de Jeremy Lee.

 

NOMEIDADEENTIDADE
John Adu26Source
Michael Allen36Momentum Global IM
Nicolo Bocchin35Aletti Gestielle
Darren Bustin33Royal London AM
Esther Chan33Aberdeen
Alan Connery37AllianzBerstein
Nathalie Dauriac-Stoebe35Signia Wealth
Massimo di Tria37Allianz IM
Richard Dowell39Cardano
Torolv Herstad33Alfred Berg
Howard Kearns33State Street Global Advisors
Chris Hogg35Royal Mail Pensions Trustees
Polina Kurdyavko34BlueBay AM
Nick Hungerford33Nutmeg
Yvonne Lenoir39BRP Bizzozero & Partners
Nick Martin36Polar Capital
Abi Oladimeji35Thomas Miller Investment
Dan Mikulskis32Redington
Stéphane Pouchoulin38FundQuest Advisor
Alex Soulsby36F&C Investments
Eve Tournier38Pimco
Douglas Turnbull29Neptune Investment Management

 

Fonte: Financial News

  

 

Empresas

Outras notícias relacionadas


Anterior 1
Anterior 1

Próximos eventos