Tags: Negócio | ETF | Europa |

Os 10 fundos cotados mais na moda este ano na Europa


Entre janeiro e junho, as entradas líquidas recebidas pelos ETF na Europa alcançaram os 31.350 milhões de euros. Desses, 11.860 milhões (cerca de 38%) foram captados por 10 produtos. São os dados da Broadridge, provedor de comunicação financeira e de soluções tecnológicas aplicadas à gestão de ativos, que recentemente comprou os serviços FundFile e Sales Watch à Thomson Reuters Lipper. Estas informações apresentam uma 'fotografia' que mostra que os fundos cotados da BlackRock têm sido dos mais procurados neste período. De facto, seis dos 10 ETF que mais entradas líquidas receberam no primeiro semestre do ano são produtos da iShares, a plataforma de fundos cotados da entidade. Desse conjunto, os produtos que mais entradas líquidas registaram foram os ETF de ações: um sobre o MSCI World e outro sobre o EuroStoxx 50.

No entanto, importa destacar o grande interesse que os ETF de obrigações europeias estão a despertar. “Nas obrigações estamos a notar um uso crescente por parte de gestores – não só de produtos multi-ativos que fazem asset allocation, como também de gestores tradicionais  de obrigações – que utilizam o veículo para dotar de maior liquidez a carteira”, explicava Aitor Jauregui, diretor de vendas da iShares para Iberia numa entrevista à Funds People. O maior uso destes produtos está refletido nos dados da Broadridge. Dos seis ETF mais vendidos pela BlackRock na Europa no primeiro semestre do ano, metade são fundos de obrigações, principalmente que replicam índices high yield e dívida corporativa.

No que diz respeito ao resto das entidades que conseguem posicionar algum dos seus produtos entre os de maiores captações destaca-se a Deutsche Asset & Wealth Management, que tem visto um grande interesse em relação a dois dos seus produtos. Ambos são ETF de ações europeias, um que replica o comportamento da bolsa alemã (que por sua vez foi o terceiro ETF mais vendido na Europa neste período), e o outro que mostra  evolução do EuroStoxx 50. O primeiro produto que segue as ações americanas que aparece no ranking é o ETF da Vanguard sobre o S&P 500, que se situa na oitava posição por vendas líquidas. Na tabela abaixo, segue o ranking dos 10 ETF com maior volume de entradas líquidas entre janeiro e junho (em milhões de euros).

Conheça quais os 25 fundos de gestão ativa mais na moda na Europa aqui.

Fonte: Broadridge
Empresas

Outras notícias relacionadas


Próximos eventos