Tags: Pensões |

Ocidental Pensões mantém-se na linha da frente ao nível dos ativos sob gestão


Agora com dados fechados do segundo trimestre do ano, a APFIPP revela o panorama no que toca ao segmento de fundos de pensões. Segundo a Associação, no final de junho, o património destes produtos ascendia a 17.381,6 milhões de euros, o que se traduziu num decréscimo de 0,9%, face ao final do trimestre anterior.

Quando a retrospectiva se faz desde o início do ano verifica-se que a diminuição é de 2,1%, enquanto que nos últimos 12 meses a descida roça os 0,7%.

No que toca ao ranking das gestoras de fundos de pensões por património, as novidades são poucas: a Ocidental Pensões mantém-se como líder do segmento, com uma evolução trimestral positiva de 1,2%. A gestora arrecadava no final de junho 5.032,1 milhões de euros de ativos sob gestão – e uma quota de mercado de 29,0% - valor que suplantava a CGD Pensões, que no término do segundo trimestre geria 3.314,8 milhões de euros.

Grafico_pensoes

Contudo, como é possível visualizar no gráfico acima, a gestora de pensões do Grupo Caixa teve uma ligeira retração de 0,9%, a par da entidade que se situa no terceiro posto deste ranking: a BPI Vida e Pensões. No último trimestre a gestora de fundos de pensões do BPI viu os seus ativos sob gestão resvalarem 2,7%, para os 2.301,8 milhões de euros.

BBVA Fundos em destaque

Do primeiro para o segundo trimestre de 2016, a Associação mostra que em termos percentuais a gestora que conseguiu um maior incremento nos seus ativos sob gestão foi a BBVA Fundos, que terminou o mês de junho com 374,4 milhões de euros de ativos sob gestão no segmento, valor que reflete um crescimento de 5,4%.

Outras notícias relacionadas


Anterior 1
Anterior 1

Próximos eventos