Tags: Negócio |

Obama vai à bola com Portugal?


Que muitos portugueses “vão à bola” com o presidente dos Estados Unidos, a quem não poupam alguns elogios, já não é novidade, mas, será que Barack Obama vai à bola com Portugal?
Por estes dias há uma geografia que nos une... Israel, por onde anda também a Selecção portuguesa. Rivalizam em popularidade, porque os israelitas gostam bastante de futebol, e, ao que parece, o capitão das Quinas cativa mais atenções por aquelas terras que o líder da maior economia do mundo.
E se se juntassem ambos no estádio? Será que quando estava a ser definida a agenda da visita ao país Obama terá dito "pode ser que ainda consiga ver lá o jogo de apuramento de Portugal para o Mundial de 'soccer'"? Numa impossibilidade por questões de agenda, os líderes das duas potências - sim, no futebol somos reconhecidos como tal - conversarão sobre estratégias? A melhor defesa é mesmo o ataque? No futebol e na política? A tensão de não obter os resultados esperados em ambos os campos deixará certamente idêntica sensação de frustração...
Num estádio onde estarão, sem qualquer tipo de dúvida, as Selecções de Israel e de Portugal - porque a agenda de Obama deverá levá-lo para outros palcos - a equipa das Quinas faz mais um jogo do apuramento para o Mundial de 2014, no Brasil, empatada em pontos com a equipa da casa (com sete). A Rússia segue destacada na frente, com mais cinco pontos. E na próxima terça-feira é a vez de Portugal ir jogar com o Azerbaijão (que ocupa o penúltimo lugar com dois pontos). Em Junho encontram-se os dois favoritos do grupo, Portugal e Rússia, em terras lusas.
Recuperando uma das frases mais repetidas no mundo nos últimos anos diria que, se alguém perguntasse a Obama se Portugal conseguiria vencer o jogo contra Israel, o mais provável era ele rematar certeiro com um "Yes you can". E faria um 'golo de letra'!

Próximos eventos