Tags: Negócio |

“O mercado ibérico é importante para BlackRock”


Dominik Rohe, responsável de distribuição minoritária e institucional da BlackRock para Ibéria e América Latina, lidera a equipa de vendas para ambas regiões e trabalha em conjunto com Armando Senra, director geral para a zona. Rohe assegura que “o mercado ibérico é importante” para a gestora.

"Nós temos experimentado um aumento no negócio local e espero que assim se mantenha, apesar da concorrência dos depósitos e o apetite conservador dos clientes", explicou, em declarações à Funds People. Rohe pretende manter o seu compromisso de crescimento com base em três aspectos fundamentais: a gama de produtos, qualidade de serviço e independência.

"O cliente pede cada vez mais informação e a globalização fez com que haja mais interdependência, procurando trabalhar com empresas que podem oferecer uma visão global", disse este responsável da BlackRock. "Somos uma gestora que estamos, de verdade, com o cliente, que valoriza a independência e o nosso profundo conhecimento de todos os activos."

Rohe acredita que o facto de terem uma vasta gama de produtos permite-lhes não ter que “empurrar” um determinado activo em todos os momentos, mas fornecer soluções pretendidas pelos clientes. "Agora é um momento difícil por causa da volatilidade e os riscos políticos que existem no mercado, por isso temos de entrar na pele dos nossos clientes e oferecer a nossa visão global", explica. "Somos fiduciários do dinheiro dos clientes. Devemos ter o cuidado de compreender que o dinheiro é depositado pelos clientes que pretendem usá-lo com algum propósito e temos que cuidar dele da melhor forma possível".

A BlackRock procura associar-se em cada mercado com os distribuidores locais mais importantes e fá-lo numa lógica de longo prazo. "Em cada país, o regulamento é diferente, assim como o perfil dos clientes, por isso é importante que nós trabalhemos com nossos parceiros para saber o que é melhor para cada mercado", explica.

Empresas

O Mais Lido

Próximos eventos